Portugal Fintech: Microsoft lança primeiro programa para inovação tecnológica na banca

"O objetivo é desenhar o futuro dos serviços financeiros proporcionando aos players da banca e startups da área financeira um espaço de cocriação de produtos digitais inovadores", lê-se em comunicado.

Durante três meses, startups de tecnologia financeira vão resolver desafios e propor soluções prontas a implementar em seis instituições: Banco CTT, BBVA, Caixa Geral de Depósitos, Fidelidade, Novo Banco e Unicre. A Microsoft criou o primeiro programa para inovação tecnológica na banca com a Portugal Fintech.

Chama-se Fintech365, decorrerá durante os meses de março, abril e maio e vai garantir acesso direto a gestores-chave na banca. As candidaturas decorrem até 5 de março. “O objetivo é desenhar o futuro dos serviços financeiros proporcionando aos players da banca e a startups da área financeira um espaço de cocriação de produtos digitais inovadores, que acelerem a digitalização do setor”, pode ler-se no comunicado da Microsoft.

“Aproximar fintechs e incumbentes, de forma a gerar sinergias que ajudem à digitalização da banca”, é a principal missão, refere António Ferrão, responsável pelo programa. As startups de tecnologia financeira vão beneficiar do acompanhamento dos decisores da indústria financeira em Portugal e, também, do suporte das plataformas tecnológicas da Microsoft.

“Queremos potenciar o poder da tecnologia de forma a ajudar as organizações a inovar e criar novas oportunidades através da transformação digital. As startups são um elemento-chave no que respeita a inovação, uma vez que vão além dos limites e desafiam o status quo. Com a criação do Fintech365, unimos as startups mais inovadoras e as principais instituições financeiras para ajudar a acelerar a sua transformação digital”, afirma Andrea Rubei, marketing and operations executive director da Microsoft Portugal.

"As startups são um elemento-chave no que respeita a inovação, uma vez que vão além dos limites e desafiam o status quo. Com a criação do Fintech365, unimos as startups mais inovadoras e as principais instituições financeiras para ajudar a acelerar a sua transformação digital.”

Andrea Rubei

Marketing and operations executive director da Microsoft Portugal

O programa está dividido em quatro fases, sendo que a primeira consiste na comunicação dos desafios e alocação das startups à instituição financeira com que vão trabalhar. Na segunda etapa serão definidos os objetivos da prova de conceito, bem como os seus requisitos técnicos e legais, na terceira as startups vão partir para a implementação das suas propostas e, finalmente, numa quarta fase, os projetos serão apresentados numa sessão onde se pretende “extrair aprendizagens e definir estratégias de próximos passos”, pode ler-se no comunicado da tecnológica.

As candidaturas para o Fintech365 já estão a decorrer e terminam a 5 de março. Qualquer startup fintech estabelecida no mercado que tenha desenvolvido um produto tecnológico para o setor financeiro pode participar, candidatando-se através do site do programa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Portugal Fintech: Microsoft lança primeiro programa para inovação tecnológica na banca

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião