Trabalhar na Revolut vai ser 100% flexível. Fintech transforma escritórios em RevLabs

Os mais de 2.000 trabalhadores em todo o mundo terão flexibilidade a longo prazo. Fintech vai transformar escritórios em espaços de "trabalho colaborativo" que melhor experiência dos funcionários.

A fintech Revolut anunciou que vai permitir aos mais de 2.000 trabalhadores em todo o mundo trabalhar de forma flexível, indefinidamente. De acordo com o comunicado enviado pela empresa, os escritórios serão, a partir de agora, “RevLabs”, espaços que darão prioridade ao “trabalho colaborativo” e que terão como objetivo “melhorar a experiência para os funcionários”.

A nova política de trabalho flexível, explica a empresa, será suportada pela “nova estratégia que será aplicada aos seus escritórios”. “Todos os espaços da Revolut serão assim redesenhados tendo flexibilidade e colaboração em mente. Em resposta às preferências claras dos colaboradores, a Revolut permitirá aos seus mais de 2.000 funcionários escolher quando e com que frequência querem trabalhar a partir de casa ou deslocar-se ao escritório. Os novos RevLabs terão cerca de 70% do seu espaço dedicado ao trabalho colaborativo e de equipa, em linha com o feedback dos colaboradores”, assinala a Revolut em comunicado.

A decisão surge no seguimento de questionários feitos aos trabalhadores da plataforma: 98% dos colaboradores da Revolut considera “positiva” a experiência de trabalho remoto e 90% dos líderes de equipas assegura que a performance não foi afetada. No entanto, 65% dos inquiridos assume que deseja liberdade para ir ao escritório quando quiser.

"As nossas pessoas disseram-nos que gostam realmente do equilíbrio que conquistaram trabalhando a partir de casa.”

Jim MacDougall

VP de People da Revolut

“As nossas pessoas disseram-nos que gostam realmente do equilíbrio que conquistaram trabalhando a partir de casa. Mas admitiram que sentem falta dos colegas e que a possibilidade de colaborar presencialmente em alguns projectos-chave, desejando poder balancear a conveniência do trabalho remoto com a camaradagem que se vive nos escritórios. Os RevLabs vão oferecer a todos o melhor de dois mundos”, assinala Jim MacDougall, VP de People da Revolut, citado em comunicado.

Brainstorming, formação e partilha de conhecimento

Foi a partir de casa de cada um dos colaboradores que a Revolut lançou, durante o ano de 2020, atividade nos mercados dos EUA, Austrália e Japão, tendo também apresentado ao mercado novidades como o Revolut Junior e o Revolut Plus. Fundada em 2015 no Reino Unido, a Revolut conta com mais de 13 milhões de utilizadores em todo o mundo.

Além da adaptação dos escritórios atuais à nova lógica, a empresa planeia, já durante o ano de 2021, abrir novos RevLabs em localizações onde a empresa nunca teve presença física.

Os RevLabs vão permitir à empresa ajustar-se rapidamente ao crescimento do número de trabalhadores. Os escritórios serão adaptados para servirem melhor o trabalho colaborativo, estando previstos espaços de brainstorming, formação e troca de conhecimento, “algumas das interações cara-a-cara de que as pessoas sentiram falta durante os períodos de confinamento”, sublinha a Revolut. Trabalho individual e reuniões externas serão também configurados nesta adaptação do espaço físico.

“A Revolut é um local de trabalho divertido, entusiasmante e queremos que os RevLabs preservem essa energia. Vamos finalizar a nossa política de trabalho flexível nos próximos meses por forma a garantir que continuamos a ser atrativos para os nossos atuais colegas e para as centenas que se juntarão a nós à medida que crescemos em todo o mundo”, sublinha Jim MacDougall.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Trabalhar na Revolut vai ser 100% flexível. Fintech transforma escritórios em RevLabs

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião