Bitcoin atinge novo recorde acima dos 50 mil dólares

A Bitcoin continua a registar ganhos, tendo atingido mais um recorde. O investimento da Tesla na moeda virtual ajudou a alimentar a euforia em torno da divisa virtual.

A Bitcoin atingiu um novo recorde, ao ultrapassar os 50 mil dólares pela primeira vez, adianta a Bloomberg (acesso livre, conteúdo em inglês). A criptomoeda tem estado a registar ganhos nos últimos tempos, especialmente depois do anúncio da Tesla de que tinha investido 1,5 mil milhões de dólares na Bitcoin.

A maior criptomoeda do mundo chegou aos 50.191 dólares nesta manhã, em Nova Iorque, de acordo com a Bloomberg. Os ganhos deste ano rondam agora os 73%, depois de a Bitcoin ter registado uma valorização de 170% no quarto trimestre de 2020, para os 29 mil dólares.

A Tesla é um dos motores desta valorização. Foi a 8 de fevereiro que foi revelado o investimento da empresa liderada por Elon Musk na Bitcoin, que está a preparar-se para começar a aceitar pagamentos pelos seus automóveis elétricos com esta divisa. Nesse dia, a moeda virtual viu o preço subir 16%, naquele que foi o maior ganho diário desde o início da pandemia, em março.

Para além disso, entidades como a Mastercard e o Banco Mellon avançaram com medidas para tornar mais fácil para os clientes usar criptomoedas, e foi noticiado que a Morgan Stanley poderá apostas na moeda virtual, o que também ajudou a alimentar o otimismo.

“Seja Musk, Mastercard ou Morgan Stanley, o clima, a música e o ímpeto são impossíveis de ignorar”, apontou Antoni Trenchev, sócio-gerente e cofundador da Nexo em Londres, citado pela publicação. No entanto, o analista alerta para a “volatilidade de curto prazo” deste desempenho, apontando que os investidores devem estar “preparados”.

(Notícia atualizada às 13h15)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Bitcoin atinge novo recorde acima dos 50 mil dólares

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião