Mais de 12,8 milhões de espanhóis têm seguro de Saúde

  • ECO Seguros
  • 1 Março 2021

Seguradoras como Adesla, DKV, Asisa e Mapfre são unânimes a admitir que o crescimento dos seguros de Saúde se vai manter no médio prazo.

O número de residentes em Espanha titulares de um seguro de Saúde cresceu 3,34% em 2020, face ao ano anterior, totalizando 12,8 milhões de pessoas, assinala o boletim diário do Inese, instituto espanhol de informação e serviços para profissionais de seguros.

O mercado espanhol de seguros de Saúde registou crescimento médio de 3,5% desde 2015, refere a publicação citando dados do ICEA, fonte estatística de referência na indústria seguradora em Espanha. Face aos números de 2020, o universo de espanhóis beneficiários de seguro Saúde supera em quatro vezes a população portuguesa com proteção semelhante.

De acordo com Francisco Calderón, diretor de desenvolvimento do negócio Saúde na Sanitas, “o setor tem crescido de forma sustentada, nos últimos anos, tanto em prémios como em número de segurados”, o que explica que o incremento não se deve a qualquer fator conjuntural, explicou. Para Pedro Orbe, diretor-geral e comercial da DKV, “tradicionalmente, o setor de seguro de saúde viu-se reforçado em período de dificuldades”.

A Covid-19 confirmou a dinâmica do setor, também no que concerne à prevenção ou à atenção prestada através de todos os canais disponíveis, nomeadamente o digital. “Neste sentido, o seguro de saúde demonstrou a sua força”, acrescentou ainda fonte da Sanitas Seguros (grupo Bupa).

A Adeslas, detida pelo CaixaBank e gerida pela Mutua Madrileña, encabeça o mercado com 5,73 milhões de segurados de saúde e beneficiários de cuidados dentários. “Uma maior cultura de cuidados de saúde e bem-estar físico e mental estão na base do crescimento dos seguros de saúde privados entre indivíduos e empresas”, disse a seguradora.

Segundo o Inese, os segurados de saúde da Asisa cresceram mais de 3,6% em 2020. “Para alcançar este crescimento num ano muito complicado, realizámos um intenso trabalho comercial e expandimos a rede de vendas para chegar a novos clientes. Além disso, adaptámos os nossos produtos”, explicou fonte da companhia.

Por seu lado, a Mapfre valorizou o “crescimento excecional” de mais de 5%, “excedendo 950.000 segurados.”

Entre as seguradoras consultadas pelo Inese (Adeslas, Asisa, Mapfre e DKV) existe unanimidade a admitir que a tendência de crescimento do seguro Saúde se mantenha no médio prazo em Espanha.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Mais de 12,8 milhões de espanhóis têm seguro de Saúde

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião