Mais tarifários e IVA reduzido levam ERSE a atualizar simulador de preços de energia

O simulador de preços de energia, lançado há três anos, registou, até ao final de fevereiro um total de 243.809 utilizadores e 4.897 813 simulações

A pensar nos consumidores que estão a pensar mudar de comercializador de energia e gás, a ERSE – Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos atualizou o seu simulador de preços de energia com a introdução de novas funcionalidades, entre as quais um filtro de inclusão do desconto na taxa de IVA aplicável a famílias numerosas e uma nova opção de simulação com base no valor mensal da fatura do consumidor.

Soma-se ainda um filtro de ofertas com descontos exclusivos para novos clientes, a possibilidade de aviso de informação incoerente entre o simulador e outras fontes e a reorganização da página de resultados, destacando o menu de personalização da simulação. O objetivo das novas funcionalidades, diz a ERSE, é “acompanhar a rápida evolução do mercado retalhista e aumentar a usabilidade desta ferramenta essencial no processo de mudança de comercializador de energia”.

O regulador justifica a atualização do simulador pela crescente evolução do número e diversidade de ofertas disponibilizadas pelos comercializadores no mercado, pelas sugestões dos consumidores que utilizaram o simulador e por alterações na aplicação da taxa de IVA a famílias numerosas.

Os números da ERSE revelam que o simulador de preços de energia, lançado há três anos, registou, até ao final de fevereiro um total de 243.809 utilizadores e 4.897 813 simulações. Atualmente, esta ferramenta reúne informação de perto de 500 tarifários do mercado liberalizado, relativos a 23 comercializadores na eletricidade e 14 comercializadores no gás natural.

A ERSE recomenda que os consumidores, no início de cada ano e, preferencialmente duas vezes por ano, consultem o Simulador de preços da ERSE e verifiquem qual é a oferta comercial que melhor se adequa ao seu caso. “Por exemplo, para um consumidor de eletricidade com uma potência contratada de 3,45 kVA e um consumo anual de 1 900 kWh, a oferta de preço mais baixo resulta numa fatura mensal de 32 €, enquanto a oferta mais cara pode implicar um custo acrescido de mais de 13 € ao mês”, diz a ERSE em comunicado.

A ERSE relembra ainda que este simulador permite:

  • Comparar o valor a pagar quando é necessário decidir entre contratar a eletricidade e o
    gás natural de forma conjunta ou em separado.
  • Colocar os preços do seu contrato atual e perceber se pode poupar com uma mudança de oferta comercial.
  • Identificar as componentes numa fatura de energia, como por exemplo, as tarifas de acesso às redes, a componente de energia ou das taxas e impostos.
  • A informação relativa às ofertas comerciais é disponibilizada em formato de base de dados pela ERSE que, assim, possibilita o acesso fácil e equitativo por parte de terceiros (empresas, consumidores, associações de defesa do consumidor, outros simuladores, etc.). Estes dados são descarregados perto de 740 vezes por ano.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Mais tarifários e IVA reduzido levam ERSE a atualizar simulador de preços de energia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião