Barril de Brent perto dos 70 dólares com retoma da economia chinesa

Economia chinesa está a recuperar de forma acelerada depois do impacto da pandemia. Perspetivas de maior consumo da China está a impulsionar o barril de Brent para perto dos 70 dólares.

Os preços do petróleo estão em alta nos mercados internacionais. O barril de Brent está a caminho dos 70 dólares com os indicadores económicos a darem conta de uma recuperação acelerada da economia chinesa no arranque do ano, o que deixa perspetivas de um aumento da procura por parte do maior importador mundial de petróleo.

Em Londres, contrato de Brent para entrega em 30 de março sobe 0,71% para 69,71 dólares, com o barril a acumular uma valorização de 36% desde o início do ano.

Do outro lado do Atlântico, o contrato de Crude WTI para entrega a 22 de março avança 0,82% para 66,14 dólares.

A subida dos preços do “ouro negro” surge depois de a China ter revelado que a produção industrial cresceu 35,1% em janeiro e fevereiro, em termos homólogos, ilustrando a normalização da atividade económica do país, face às medidas de prevenção contra a Covid-19 adotadas há um ano.

Entre as três principais categorias em que o Gabinete Nacional de Estatísticas chinês divide este indicador, destaca-se o crescimento da indústria transformadora (39,5%), seguida da indústria de produção e abastecimento de eletricidade, gás, aquecimento e água (19,8%) e da mineradora (17,5%).

Brent a subir

A dar ainda mais força ao mercado está o facto de o maior exportador de petróleo do mundo, a Arábia Saudita, ter cortado o fornecimento de barris em abril para pelo menos quatro compradores asiáticos em 15%, ao mesmo tempo que atendeu às necessidades mensais das refinarias indianas.

Isto surge num momento em que a OPEP e os seus aliados — o grupo OPEP+ — decidiram no início deste mês prolongar até abril grande parte dos seus cortes na produção.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Barril de Brent perto dos 70 dólares com retoma da economia chinesa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião