Asisa lança seguro em Portugal com acesso a 16 hospitais em Espanha

  • ECO Seguros
  • 16 Março 2021

A entidade fundada e dirigida por médicos prevê alcançar 13% de quota em Portugal em 10 anos. Com clínica aberta Lisboa, a oferta vai alargar-se este ano à medicina geral, pediatria e ginecologia.

O grupo Asisa, terceira maior seguradora de saúde em Espanha, iniciou em Portugal a comercialização do ASISA Saúde Premium, uma solução sem limite de capital e de idade de permanência, apresentada como “opção verdadeiramente inclusiva que até agora não estava disponível no mercado”.

Sandra Moás, Country Manager: “”Quisemos ultrapassar a barreira do limite de capital que, em situações de doenças agudas, pode originar uma falta de proteção/cobertura do seguro”.

Com a nova apólice, “a ASISA pretende acompanhar os portugueses nos seus principais momentos e etapas de vida, independentemente da condição de saúde em que se encontram e dos tratamentos necessários”. O novo seguro de saúde premium “diferencia-se também por não serem aplicados copagamentos sempre que os cuidados de saúde forem prestados nas unidades de saúde próprias da ASISA, seja em Portugal ou em Espanha, ambas em regime de livre acesso”.

Além da rede ASISA, “os segurados poderão igualmente dirigir-se à Rede Médica AdvanceCare ou utilizar o seu seguro em regime de reembolso”, complementa a seguradora com experiência de 40 anos em Espanha, suportada por um quadro clínico de 40 mil profissionais (médicos, enfermeiros e outros técnicos de saúde).

De acordo com Sandra Moás, Country Manager da ASISA Portugal, “em concordância com a nossa missão, procurámos desenvolver um produto de qualidade e a um preço acessível, capaz de garantir um acompanhamento sem limites em todas as etapas de vida dos portugueses”.

O ASISA Saúde Premium abrange as coberturas de hospitalização, parto, ambulatório e estomatologia e que cobre, adicionalmente e de forma gratuita, a assistência médica por vídeo chamada.

“Quisemos ultrapassar a barreira do limite de capital, que pode originar em situações de doenças agudas uma falta de proteção/cobertura do seguro. Também é importante para a ASISA poder oferecer sem custos de copagamento para os seus segurados uma assistência sanitária ampla, isto é, cirurgias, consultas, tratamentos, exames de diagnósticos, etc, dentro das unidades do próprio grupo, que têm índices de qualidade bastante elevados. Destes objetivos nasceu o ASISA Saúde Premium, uma oferta totalmente inclusiva e inovadora”, esclareceu a responsável.

O desenvolvimento do projeto contou com a parceria da everis, empresa multinacional de consultoria do Grupo NTT DATA, que desenvolveu a solução baseada no SISnet, um produto da empresa Netijam para seguradoras.

“Desenvolver este tipo de projetos é fundamental para potenciar a oferta de valor de uma empresa, uma vez que permite o seu crescimento de forma exponencial, sobretudo num momento em que é fundamental avançar para uma estratégia multicanal, baseada em plataformas digitais e metodologias ágeis”, explica a seguradora espanhola que, no final de dezembro último, abriu a primeira clínica própria em Lisboa.

No momento em que lança o novo seguro de saúde, a ASISA prevê atingir uma quota de mercado de cerca de 13%, em Portugal, ao longo dos próximos 10 anos. Sandra Moás realça ainda que “este lançamento é também o primeiro passo para conseguirmos concretizar o nosso objetivo de criar um ecossistema ibérico de prestação de serviços de saúde, uma vez que incluímos o livre acesso aos segurados portugueses ao universo das unidades de saúde próprias da ASISA, que contam 16 hospitais, Centros Médicos, Laboratórios, Clínicas dentárias, entre outros.”

Prémios cresceram 4,3% em 2020. Oferta em Portugal vai alargar-se a mais especialidades clínicas

A organização presidida por Francisco Ivorra acaba de divulgar os resultados de 2020 através de comunicado onde anuncia também que, em 2021, no âmbito do processo de internacionalização, “vai pôr em marcha” no mercado português ofertas de “medicina geral, pediatria, ginecologia e dermatologia, além dos serviços de estética e nutrição (Asisa Care)”.

Gerido pela Lavinia, uma sociedade de natureza cooperativa composta por mais de 10 mil médicos, o grupo Asisa fechou 2020 com volume histórico de faturação em prémios de seguro, cerca de 1.273 milhões de euros, 4,28% mais do que no ano anterior, e a contabilizar 2,5 milhões de segurados. Refletindo a estratégia de diversificação, a quase totalidade da receita em prémios (1,25 mil milhões) foram gerados na área Saúde, complementada em 12,8 milhões de euros em prémios do ramo Vida e 6,8 milhões de euros em outros ramos.

Este crescimento “permitiu ao Grupo enfrentar a pandemia de COVID-19 e continuar a desenvolver o seu plano estratégico para se consolidar como uma empresa que se dedica ao cuidado integral das pessoas, sendo Portugal um dos pilares dessa estratégia”, afirma a companhia.

Nascida em 1971, de um projeto cooperativo desenvolvido por médicos, a Asisa assinou, em 1976, a primeira convenção com a Mutualidad de Funcionarios Civiles del Estado (Muface). Atualmente, a seguradora que se posiciona entre as líderes na prestação de cuidados de saúde do país, serve as 3 mútuas de funcionários públicos de Espanha (Muface; Isfas e Mugeju).

O modelo de assistência em saúde desenvolvido e proposto pela Asisa baseia-se na livre escolha de um médico pelo paciente. A “qualidade dos serviços prestados” e gestão própria dos seus recursos (sem intermediários na cadeia de valor), são assumidos como elementos distintivos da organização.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Asisa lança seguro em Portugal com acesso a 16 hospitais em Espanha

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião