Contribuintes têm até hoje para reclamar dos valores das deduções do IRS

Os contribuintes tiveram, desde 15 de março, a oportunidade de consultarem os valores de deduções apurados pelas Finanças. Tem até hoje para reclamar gratuitamente a existência de alguma incorreção.

Antes de começar a dita campanha do IRS, existem várias etapas que não devem ser esquecidas pelos contribuintes. Assim, o último dia deste trimestre apresenta-se como a última oportunidade que estes têm para verificar os montantes que foram apurados pela Autoridade Tributária (AT) para dedução em sede de IRS.

Efetivamente, entre os dias 15 e 31 de março, os contribuintes tinham a possibilidade de consultarem os montantes globais que lhes eram associados no e-Fatura, até mesmo de despesas como a renda da casa e os juros do crédito à habitação, que não eram apresentadas nessa plataforma anteriormente.

Assim, existem duas situações a ter em conta após uma verificação dos valores indicados no Portal das Finanças. Se existirem valores errados, terá apenas até esta quarta-feira para reclamar gratuitamente esses montantes, através do campo destinado a esse fim no Portal das Finanças.

No seu Guia Fiscal 2021, a Deco aconselha, no entanto, que essa reclamação seja feita apenas a propósito das despesas gerais familiares ou das despesas com benefício de IVA, em situações de ausência. Quando os erros forem outros, ” é mais fácil aguardar pelo momento de entrega da declaração e rejeitar a importação automática dos dados do e-Fatura quando estiver a preencher o anexo H”, diz a Deco.

Mas se os montantes estiverem corretos, não terá de fazer mais nada. Quando entregar a declaração de IRS, e caso opte pelo IRS automático ou pela declaração previamente preenchida, esses valores serão contabilizados, desde que permita a importação automática dos dados constantes no e-Fatura.

Finalizada esta etapa, o contribuinte deve agora começar a preocupar-se com a entrega da declaração anual do IRS, algo que deverá fazer entre 1 de abril e 30 de junho.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Contribuintes têm até hoje para reclamar dos valores das deduções do IRS

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião