Wall Street em suspenso à espera da reunião da Fed

Os investidores aguardam as atas da Fed que poderão dar mais pistas sobre novas medidas para ajudar à retoma da economia norte-americana. Bolsas abriram a sessão mistas.

As bolsas norte-americanas arrancaram a sessão desta quarta-feira mistas, com os investidores a aguardarem cautelosamente as atas da reunião da Reserva Federal dos Estados Unidos (Fed), que poderão dar mais pistas sobre a visão do banco central relativamente à recuperação económica e inflação.

O pacote de estímulos e o aumento do ritmo de vacinação do outro lado do Atlântico levaram vários funcionários da reunião da Fed no mês passado a projetar aumentos das taxas de juro já no próximo ano, abrindo uma lacuna contra os que não previam um aumento destas taxas até 2024. Esta terça-feira há nova reunião do banco central dos EUA, que poderá dar mais pistas sobre novas medidas para ajudar à retoma da economia norte-americana.

“A única coisa que poderia mover os mercados seria uma surpresa na ata em relação à discussão do possível aumento das taxas de juro”, sublinha Paul Nolte, responsável de portefóleo da Kingsview Asset Management, citado pela Reuters.

Neste contexto, esta quarta-feira o índice de referência S&P 500 mantém-se inalterado nos 4.074,04 pontos, enquanto o industrial Dow Jones desvaloriza 0,06% para os 33.409,66 pontos. Ao mesmo tempo, o tecnológico Nasdaq é o mais penalizado, recuando 0,15% para 13.678,27 pontos.

Nos últimos dias, têm sido divulgados dados económicos positivos que revelam que a recuperação económica poderá ser mais rápida do que o inicialmente previsto. Dados de terça-feira do Departamento do Trabalho dos EUA indicam que a oferta de novos empregos do outro lado do Atlântico aumentou 268 mil em fevereiro para um total de 7,4 milhões. É o nível mais alto desde janeiro de 2019 e um aumento de 5,1% face aos níveis pré-pandemia. Ao mesmo tempo, o FMI reviu as perspetivas de crescimento da economia americana em alta para 6% este ano.

Nesse sentido, e em consequência do otimismo relativamente à recuperação económica, há empresas a destacarem-se. É o caso da Chevron Corp, que sobe 0,38% para 103,92 dólares, bem como das empresas de cruzeiros Norwegian Cruise Line, que ganha 2,96% para 32 dólares, e da Carnival Corp 3,74% para 29,67 dólares.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street em suspenso à espera da reunião da Fed

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião