França altera segunda dose da Astrazeneca para pessoas com menos de 55 anos

  • Lusa
  • 9 Abril 2021

As pessoas com menos de 55 anos que receberam em França a primeira dose da vacina da farmacêutica AstraZeneca contra a Covid-19 devem receber a segunda dose de outra vacina.

As pessoas com menos de 55 anos que receberam em França a primeira dose da vacina da farmacêutica AstraZeneca contra a Covid-19 devem receber a segunda dose de outra vacina, afirmou o ministro da Saúde francês.

As declarações de Olivier Véran surgem antes do anúncio oficial sobre esta matéria, previsto para esta sexta-feira.

“Vai ser confirmado esta sexta-feira, é absolutamente lógico”, declarou Véran, frisando, porém, que o anúncio oficial caberá à Alta Autoridade da Saúde (HAS) francesa, que fará uma conferência de imprensa às 08:00 GMT (09:00 em Lisboa)

A HAS tinha suspendido o uso desta vacina em menores de 55 anos no dia 19 de março, devido aos raros casos de trombose detetados na Europa.

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA) reconheceu na quarta-feira uma ligação entre a administração da vacina e os casos raros de “coágulos de sangue incomuns associados a plaquetas”, agora listados como “efeitos secundários muito raros”.

Contudo, o regulador europeu sublinhou que os benefícios do uso da vacina ainda superam os riscos.

Na mesma conferência de imprensa, a EMA comparou o risco de formação de coágulos sanguíneos após a toma da vacina da contra a Covid-19 da farmacêutica AstraZeneca ao da toma de contracetivos hormonais como a pílula.

“Um exemplo em que gostaria de atentar é [a relação entre] o uso do contracetivo oral combinado hormonal e os coágulos sanguíneos que ocorrem após a toma desses contracetivos, que são dados às mulheres que normalmente são saudáveis”, afirmou o Chefe do Departamento de Farmacovigilância e Epidemiologia da EMA, Peter Arlett.

Depois da polémica com os casos de trombose detetados em quem já tinha tomado a vacina da AstraZeneca, vários países decidiram traçar limites e não administrar a vacina da AstraZeneca abaixo de certas idades, por uma questão de segurança: 30 anos no Reino Unido, 55 anos em França, na Bélgica e no Canadá, 60 anos em Portugal, na Alemanha, em Itália e nos Países Baixos e 65 anos na Suécia e na Finlândia.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

França altera segunda dose da Astrazeneca para pessoas com menos de 55 anos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião