Zego segura frota de bicicletas elétricas que entregam mercearias em Londres

  • ECO Seguros
  • 21 Abril 2021

A apólice é 1ª da Zego para uma frota de e-bikes. A Dija nasceu em janeiro, obra de dois ex-empregados da Deliveroo, e já serve bairros na região de Londres e planeia expandir para a Europa.

A Zego, que em dezembro integrou na sua estrutura a portuguesa Drivit, tornou-se seguradora da Dija, uma start-up britânica que utiliza e-bikes para entregar mercearias ao domicílio.

A insurtech britânica especialista em seguros de frotas, motoristas profissionais e nova mobilidade (e-scooters e e-bikes), acordou o fornecimento de coberturas (responsabilidade civil contra terceiros e danos de acidentes) para a frota de velocípedes (elétricos) da Dija, start-up de entregas rápidas e micro mobilidade. A parceria representa o primeiro contrato da Zego para frotas de bicicletas elétricas.

A apólice é anual, mas cobra pagamento numa base mensal, condição que permite à tomadora do seguro gerir melhor a tesouraria, alocando cash-flow para contratação de mais pessoal e aumentar a frota de bicicletas elétricas, refere a imprensa londrina sobre a solução da insurtech que foi primeira no Reino Unido a obter uma licença para operar como seguradora.

Outras vantagens resultantes do contrato de seguro com a Zego é que a Dija pode gerir o efetivo da frota (acrescentar ou remover veículos da apólice). Ainda, através do portal da insurtech, poderá fazer o acompanhamento operacional das bicicletas cobertas pelo seguro, onde quer que se localizem em dado momento.

“A pandemia de Covid-19 impulsionou a procura de plataformas de entrega de alimentos e mercearias e abriu a porta a novos operadores. Estamos entusiasmados por nos juntarmos à Dija, uma start-up com enorme potencial, para lançar a nossa primeira apólice e-bike comercial de sempre. As empresas deste setor dependem completamente dos seus veículos e queremos dar-lhes produtos seguros flexíveis que ajudem a maximizar o potencial das suas frotas, minimizando ao mesmo tempo os custos”, afirmou Ines Feraci, diretora de B2B na Zego, insurtech tornada unicórnio.

Criada por dois empreendedores (Alberto Menolascina e Yusuf Saban) que foram empregados da Deliveroo, a Dija nasceu em janeiro de 2021 e já beneficiou de uma ronda que permitiu captar 20 milhões de dólares. O desafio da start-up londrina é assegurar entregas ultrarrápidas para serviço on-demand de compras de mercearia e outros produtos de conveniência. A divisa da empresa é entregar os pedidos em 10 minutos.

Alberto Menolascina, cofundador e CEO da Dija, referiu: “A nossa parceria com a Zego proporciona-nos um maior controlo sobre o nosso fluxo de caixa, o que, por sua vez, nos permitirá dar prioridade de investir em coisas como a expansão internacional e a contratação. Para uma start-up de rápido crescimento como nós, este é exatamente o tipo de flexibilidade de que precisamos“.

As entregas da Dija em Londres já servem diversos bairros (South Kensington, Fulham, Hackney, Islington e Nothing Hill). Os fundos angariados irão permitir estender o serviço a outras localidades do Reino Unido e a start-up planeia expandir para a Europa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Zego segura frota de bicicletas elétricas que entregam mercearias em Londres

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião