Zego é unicórnio após comprar portuguesa Drivit e captar mais 150 milhões

  • ECO Seguros
  • 10 Março 2021

Reforçada de recursos financeiros, a Zego quer expandir globalmente. Prevê duplicar a equipa este ano, para mais de 500 colaboradores, contratando engenheiros, especialistas em dados e comerciais.

A jovem seguradora britânica que, em 2020 comprou a insurtech portuguesa Drivit, captou 150 milhões de dólares em ronda de financiamento (série C) e, com a valorização que lhe é atribuída (cerca de 1,1 mil milhões de dólares), acaba de ascender ao clube dos unicórnios, emergindo como a primeira insurtech britânica a superar a fasquia dos 1000 milhões em valor de empresa.

A operação financeira – liderada pela venture capital DST Global e participada por todos os financiadores que já apostavam na empresa (como a Baderton Capital e a Target Global, além dos fundadores da Transferwise e da checkout.com) – atraiu novos investidores (General Catalyst), e vai permitir a acelerar a escalada da Zego no mercado global do seguro automóvel, nomeadamente no segmento de frotas.

O impulso da Zego – nascida em 2016 e que, no final de 2020, já segurava mais de 200 mil veículos (entre motoristas profissionais e frotas) – beneficia da recente aquisição da insurtech portuguesa Drivit, especialista na área de telemática, para a expansão global na oferta de seguro para frotas e motoristas profissionais, com soluções digitais mais flexíveis e também adequadas à nova micro mobilidade (e-scooters e outros veículos de uso urbano).

Propulsionada pela recente angariação de capital, a Zego – atualmente presente em cinco países – irá financiar novos projetos de desenvolvimento internacional. Para responder ao desafio de escala, a empresa conta duplicar o efetivo de pessoal, para mais de 500 colaboradores, até final de 2021, contratando sobretudo comerciais, engenheiros e especialistas em dados.

O modelo rígido do seguro automóvel tradicional está ultrapassado, sustenta Sten Saar, cofundador e CEO da Zego. “Isto não é mais do que o arranque e contamos acelerar o nosso crescimento nos próximos anos. Com o apoio dos nossos investidores e da nossa equipa, pretendemos estender a nossa oferta à escala mundial.”

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Zego é unicórnio após comprar portuguesa Drivit e captar mais 150 milhões

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião