Economia europeia acelera em abril com ‘boom’ na indústria

A indústria europeia acelerou ainda mais em abril e o setor dos serviços voltou a registar crescimentos, o que já não acontecia há oito meses.

Em março, a economia europeia cresceu pela primeira vez em seis meses, superando as expectativas dos analistas. Em abril a tendência continuou com uma aceleração da atividade económica graças a um boom da indústria, de acordo com o PMI compósito da Zona Euro divulgado esta sexta-feira pela IHS Markit. Este mês o setor dos serviços também voltou a crescer, o que acontece pela primeira vez desde agosto.

O PMI compósito da Zona Euro aumentou de 53,2 em março para os 53,7 em abril, de acordo com a estimativa preliminar, traduzindo um maior crescimento económico na Zona Euro do que em março. Esta aceleração ocorreu num período em que vários países europeus tiveram de impor mais restrições ao funcionamento da economia por causa do agravamento da pandemia.

O melhor desempenho está na indústria com as empresas a aumentar o stock, o investimento em novas máquinas e o crescente otimismo sobre os próximos meses, o que levou a um aumento recorde tanto na produção como nas novas encomendas. Este setor está “pujante”, resume Chris Williamson, economista-chefe da IHS Markit.

O analista diz que o aumento da procura por materiais em bruto continua forte e levou a atrasos sem precedentes nas cadeias de valor, o que está a aumentar os custos das empresas ao ritmo mais elevado em dez anos. Este desempenho leva Williamson a antever um aumento da taxa de inflação nos próximos meses, ainda que seja incerta a dimensão dessa variação.

Fonte: IHS Markit.

O setor dos serviços, apesar de continuar a ser afetado “duramente” pelas medidas de contenção do vírus, voltou a apresentar crescimentos num momento em que as empresas e os consumidores já se adaptaram a viver com esta nova realidade.

Ainda que esta melhoria tenha superado as expectativas dos analistas, os economistas do banco ING continuam a antecipar que, mesmo assim, o PIB da Zona Euro vá contrair no primeiro trimestre em cadeia (face ao trimestre anterior), mas menos do que o previsto anteriormente. Numa nota, o ING diz que o PMI de abril dá sinais “encorajadores” sobre o que vai acontecer no segundo trimestre.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Economia europeia acelera em abril com ‘boom’ na indústria

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião