Restrições aos fins de semana podem chegar ao fim em maio

  • ECO
  • 23 Abril 2021

O levantamento das restrições ao fim de semana poderá acontecer já a partir de 3 de maio. Decisão do Governo depende da evolução da pandemia.

O dia 3 de maio marca o início da última fase de desconfinamento e os indicadores desenhados pelo Governo para medir a evolução da pandemia dão luz verde para que isso aconteça. Segundo o Expresso (acesso pago), o levantamento das restrições ao fim de semana poderá já acontecer a partir dessa data.

Se avançar, esta será uma considerável mudança para o país, pois desde 14 de novembro têm sido sempre aplicadas restrições horárias aos fins de semana. A decisão ainda está em aberto, dependente da evolução dos referidos indicadores, e na próxima semana haverá uma nova reunião no Infarmed, onde os especialistas irão aconselhar a classe política acerca da forma como deverá decorrer esta última fase de desconfinamento.

A última fase do plano de desconfinamento desenhado pelo Governo permitirá ainda a realização de casamentos e batizados com 50% de lotação e de grandes eventos exteriores e interiores, desde que com diminuição de lotação. Nas esplanadas, passará a ser permitida a permanência de dez pessoas numa mesma mesa e as atividades físicas ao ar livre e em ginásios, bem como todas as atividades desportivas, poderão retomar sem qualquer impedimento.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Restrições aos fins de semana podem chegar ao fim em maio

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião