Compras físicas disparam 75% no primeiro dia da nova fase de desconfinamento

Na reabertura dos shoppings, os principais retalhistas a beneficiar do consumo foram o El Corte Inglês, Zara, Worten, Decathlon e Fnac. Pico de gastos foi entre as 11h00 e as 12h00.

No dia em que Portugal avançou para uma nova fase de desconfinamento, as compras físicas disparam 75% face à média das segundas-feiras de fevereiro de 2020. O pico de consumo ocorreu entre as 11h00 e as 12h00 de segunda-feira, de acordo com dados da Revolut.

Os principais retalhistas a beneficiar do consumo na segunda-feira foram o El Corte Inglês, a Zara, a Worten, a Decathlon e a Fnac. Este top 5 que representa cerca de 30% do total de gastos na categoria de shopping.

De acordo com a fintech, os portugueses quase lotaram estes espaços no dia da reabertura e o consumo, de uma forma geral, disparou 28%, ou seja, os portugueses gastaram mais 28% com os cartões Revolut no dia da reabertura dos shoppings do que numa segunda-feira normal do período pré-Covid.

O perfil do consumidor que mais se destacou nos gastos com cartões Revolut, no dia de ontem, foram homens com entre 35 e 44 anos de idade.

“Houve minutos, na segunda-feira, em que os clientes portugueses gastaram mais de três mil euros com os seus cartões Revolut”, adianta a fintech em comunicado.

No dia em que os restaurantes passaram a permitir o consumo dentro dos espaços, limitado a grupos de quatro pessoas e nas esplanadas limitados a grupo de seis pessoas, o consumo ficou, no entanto, ainda aquém da média de gastos à segunda-feira, na época pré-Covid. Registou-se uma retração de 2% numa altura em que a lotação dos espaços está ainda limitada. Nos restaurantes, o gasto médio por refeição paga com cartões Revolut foi ontem de 17 euros.

A Revolut conta com 15 milhões de clientes, globalmente, e mais de meio milhão de clientes em Portugal. Sediada em Londres, com 2.000 funcionários globalmente, a Revolut é agora uma das maiores comunidades fintech do mundo.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Compras físicas disparam 75% no primeiro dia da nova fase de desconfinamento

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião