Quebra no consumo gera reforço nas poupanças das famílias europeias no último trimestre de 2020

Dados do Eurostat indicam que houve um aumento na taxa de poupança no último trimestre de 2020, devido a uma redução no consumo das famílias, que surgiu num contexto marcado pela pandemia de Covid-19.

As poupanças das famílias na União Europeia reforçaram-se no quarto trimestre de 2020, em comparação com o registado no mesmo período do ano anterior. De acordo com o Eurostat, a principal razão por trás desse aumento é a redução do consumo das famílias num contexto de pandemia de Covid-19.

Houve uma subida de 6,6 pontos percentuais (p.p.) na taxa de poupança das famílias do bloco europeu nos últimos três meses do ano passado, em comparação com o período homólogo. Isto no mesmo período em que se registou uma redução de 7% nas despesas de consumo das famílias europeias, em comparação com o mesmo período. Além da quebra no consumo, registou-se ainda uma subida de 0,6% no rendimento bruto disponível das famílias.

A subida na taxa de poupança verificou-se em todos os países que fazem parte do bloco europeu, à exceção da Dinamarca (-2,7 p.p.). Por outro lado, foi na Eslovénia (+20,8 p.p.), na Irlanda (12,8 p.p.) e na Bélgica (11,3 p.p.) que se registaram os principais aumentos. Seguem-se a Áustria (+10,9 p.p) e a Grécia (10,4 p.p).

Em Portugal, o crescimento da taxa de poupança das famílias foi na ordem dos 6 p.p nos últimos três meses do ano, enquanto o rendimento disponível aumentou ligeiramente, perto dos 2 p.p. Por sua vez, os gastos com consumo individual em território nacional baixaram neste período, na ordem dos 6 p.p.

Fonte: Eurostat

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Quebra no consumo gera reforço nas poupanças das famílias europeias no último trimestre de 2020

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião