Turismo de Portugal abre candidaturas para programa FIT 2.0

Os interessados têm até 31 de agosto para candidatar-se ao programa que visa dinamizar projetos inovadores de base turística e estimular o ecossistema empreendedor.

O Turismo de Portugal já abriu as candidaturas ao programa de inovação FIT 2.0 – Fostering Innovation in Tourism. O objetivo é dinamizar projetos inovadores de base turística, bem como estimular o ecossistema empreendedor, através do apoio ao desenvolvimento de ideias e de modelos de negócio que possam gerar novas soluções para o setor do turismo. Prazo para fazer a candidatura termina dia 31 de agosto.

Gestão sustentável das empresas e dos destinos turísticos, enriquecimento e melhoria da experiência do turista, promoção da mobilidade inteligente e sustentável, gestão baseada em dados e otimização das operações de negócio das empresas são os cinco desafios a que as soluções apresentadas devem dar respostas, detalha o Turismo de Portugal, numa nota publicada no site.

Este programa é uma das medidas do Plano “Reativar o Turismo | Construir o Futuro”, criado para incentivar a retoma do setor do turismo. Podem candidatar-se todas as entidades que assinaram ou venham a assinar o protocolo FIT com o Turismo de Portugal.

As candidaturas devem ser enviadas ao Turismo de Portugal, até 31 agosto 2021, para o e-mail startups@turismodeportugal.pt.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Turismo de Portugal abre candidaturas para programa FIT 2.0

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião