Pfizer e BioNTech disparam em Wall Street após aprovação final da vacina contra a Covid nos EUA

A vacina da BioNTech/Pfizer já tem aprovação final da Food and Drug Administration (FDA). As empresas valorizam na bolsa de Nova Iorque.

As autoridades de saúde norte-americanas já deram a aprovação final à vacina desenvolvida pelo consórcio BioNTech e Pfizer contra a Covid-19. A decisão levou a uma valorização nas ações das empresas a negociar em Wall Street. Enquanto a Pfizer regista subidas de quase 3%, a BioNTech dispara 10%.

Esta vacina, que tem a designação comercial Comirnaty, já tem sido administrada nos últimos meses a cidadãos em todo o mundo, nomeadamente na União Europeia, sendo que foi primeira vacina a ser aprovada pelo regulador europeu.

Já a reguladora dos EUA, a Food and Drug Administration (FDA, na sigla em inglês), anunciou esta segunda-feira que tinha dado assim uma “luz verde” incondicional à vacina da Pfizer, desde que administrada sob as condições definidas, nomeadamente a política de duas doses espaçadas por algumas semanas.

Neste contexto, as ações da farmacêutica norte-americana Pfizer somam 2,89% para os 50,13 dólares, na bolsa de Nova Iorque. Isto depois de a cotada já ter registado uma valorização de 44,47% num ano, segundo os cálculos do El Confidencial (acesso livre, conteúdo em espanhol).

a alemã BioNTech avança 10,54% para os 385,42 dólares. A valorização das ações da empresa de biotecnologia foi de cerca de 570%, sendo que, em agosto de 2020, os títulos valiam 57,50 dólares.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Pfizer e BioNTech disparam em Wall Street após aprovação final da vacina contra a Covid nos EUA

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião