Vai poder escolher contas “favoritas” para ver primeiro no Instagram

  • Carolina Bento
  • 14 Setembro 2021

Nova funcionalidade do Instagram vai permitir escolher contas "favoritas", cujas publicações aparecem no topo do ecrã principal da aplicação.

O Instagram está a testar uma nova funcionalidade chamada “Favoritos”, que permite aos utilizadores escolherem o que quer ver em primeiro lugar no ecrã principal da aplicação.

A notícia foi confirmada pela empresa ao site especializado Tech Crunch, depois de um utilizador ter indicado no Twitter que a empresa estaria a trabalhar nesta opção.

“Esta funcionalidade ainda é um protótipo interno que está em desenvolvimento e ainda não foi testado externamente”, disse fonte oficial do Instagram, recusando adiantar mais informações.

Do que já se sabe, os “Favoritos” do Instagram deverão funcionar de forma semelhante aos “Favoritos” do Facebook: um utilizador pode marcar outro utilizador como “favorito” e passa a ver as publicações deste em primeiro lugar no feed.

Segundo a mesma publicação os utilizadores que foram adicionados à lista de favoritos de outra pessoa não serão informados de que fazem parte desse grupo.

Esta opção dá aos utilizadores um pouco mais de controlo sobre aquilo que querem ver primeiro na aplicação: desde seguir conteúdos específicos do seu interesse a evitar perder publicações das suas contas favoritas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Vai poder escolher contas “favoritas” para ver primeiro no Instagram

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião