SPD mais perto de formar coligação semáforo na Alemanha

O Partido Social-Democrata, os Verdes e os liberais do Partido Democrático Liberal chegaram a um acordo preliminar para formar Governo na Alemanha.

O Partido Social-Democrata (SPD), liderado por Olaf Scholz, os Verdes e os liberais (FDP) alcançaram um acordo preliminar para formar Governo na Alemanha. “Um novo começo é possível com os três partidos a unirem-se“, afirmou o ministro das Finanças de Angela Merkel, que é apontado como o futuro chanceler da Alemanha, após o SPD ter sido o partido mais votado nas eleições do mês passado.

Este pré-acordo, de 12 páginas, foi alcançado na ronda de negociações preliminares, sendo que será votado no fim de semana pelos respetivos partidos para depois dar início às negociações formais desta coligação “semáforo”. “É um acordo muito bom, necessário para levar a cabo a modernização de que a Alemanha tanto precisa”, sublinhou ainda Olaf Scholz, em conferência de imprensa esta sexta-feira.

Segundo a Reuters, estes três partidos concordaram em pontos importantes como o papel central da parceria transatlântica e da NATO na segurança alemã, bem como na necessidade de fortalecer a União Europeia.

Entre os outros pontos acordados está a eliminação gradual do carvão para gerar eletricidade até 2030. Além disso, os partidos parecem “menos flexíveis” quanto à reforma das regras orçamentais consagradas no Pacto de Estabilidade e está previsto o regresso ao travão constitucional da dívida pública.

Os resultados oficiais deram ao SPD a vitória nas eleições parlamentares alemãs, com 25,7% dos votos e 206 deputados eleitos. O partido liderado por Olaf Scholz conseguiu assim interromper o ciclo de quatro escrutínios seguidos em que a união entre a CDU e a CSU foi sempre a mais votada. Com 18,9%, os democratas-cristãos registam o pior resultado de sempre e ficam-se pelos 151 deputados.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

SPD mais perto de formar coligação semáforo na Alemanha

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião