CaixaBI sobe preço-alvo da Altri para 7,80 euros

  • ECO
  • 20 Outubro 2021

A papeleira viu a CaixaBI rever em alta o preço-alvo por ação, ao incorporar o potencial da Greenvolt, o que confere um potencial de retorno de 47,2% nos próximos 12 meses.

O CaixaBI subiu o preço-alvo atribuído à Altri ALTR 5,08% de 7,60 euros para os 7,80 euros por ação, o que atribui um retorno potencial de 47,2% para os próximos 12 meses, em relação aos 5,34 euros com que a empresa portuguesa encerrou a última sessão.

Numa nota assinada pelo analista Carlos Jesus, em que mantém a recomendação de “comprar”, o banco de investimento refere que nesta atualização “incorpora a avaliação da Greenvolt no preço” da Altri e “atualiza e ajusta a curva do preço da pasta de papel para incorporar nova informação de mercado”.

O CaixaBI assinala ainda nesta nota de research que “a consolidação das estimativas publicadas recentemente para a Greenvolt fornecem suporte para o crescimento do EBITDA, com a empresa de energia renovável a começar a tornar-se a principal contribuição para o valor global de 2024 em diante“.

“Continuamos a ver Altri (e especificamente o negócio da celulose) como uma proposta de investimento atraente, dado o atual ambiente ao nível dos preços, que permanecem em níveis historicamente elevados”, lê-se no documento enviado aos clientes, a que o ECO teve acesso.

Liderada por José Pina, a Altri anunciou no início deste mês a assinatura de um memorando de entendimento com uma empresa galega para a construção de uma biofábrica para o setor têxtil, com capacidade para produzir 200 mil toneladas de pasta solúvel e fibras sustentáveis.

Esta terça-feira, a Greenvolt, que é controlada em 58,72% pela Altri, informou a CMVM de que está a preparar uma oferta particular de obrigações sustentáveis em que pretende obter um financiamento mínimo de 75 milhões de euros, tendo mandatado o BIG e o Haitong Bank para atuarem como “coordenadores” da emissão.

Altri em alta

Nota: A informação apresentada tem por base a nota emitida pelo banco de investimento, não constituindo uma qualquer recomendação por parte do ECO. Para efeitos de decisão de investimento, o leitor deve procurar junto do banco de investimento a nota na íntegra e consultar o seu intermediário financeiro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

CaixaBI sobe preço-alvo da Altri para 7,80 euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião