Bolsa de Lisboa em alta na semana da Fed

  • Lusa
  • 1 Novembro 2021

A bolsa de Lisboa abriu hoje em terreno positivo, com o índice PSI20 a subir 0,69%. As bolsas europeias também estão em alta, num início de uma semana marcada pela reunião da Fed.

As principais bolsas europeias seguiam hoje a negociar em alta, depois de na sexta-feira passada os três principais índices norte-americanos terem batido recordes, numa semana que será marcada pela reunião da Reserva Federal dos Estados Unidos.

As bolsas de Londres, Paris e Frankfurt avançavam 0,48%, 0,88% e 0,76%, respetivamente, enquanto Madrid valorizava-se 0,89% e Milão 1,19%.

Na bolsa de Lisboa, o principal índice, o PSI20 PSI20, seguia a avançar 0,69% para 5.71,76 pontos.

A bolsa de Wall Street fechou na sexta-feira (último dia bolsista de outubro) com os três principais índices a baterem níveis recordes. Outubro foi até agora o melhor mês do ano para a praça nova-iorquina.

O Dow Jones Industrial avançou 0,25% para 35.819,56 pontos, o tecnológico Nasdaq ganhou 0,33% para 15,498,39 unidades, e o alargado S&P500 progrediu 0,19% para as 4.605,3. Inicialmente, o mercado em Wall Street abriu em baixa, dececionada com os resultados de Amazon e Apple, mas acabaria por fechar em níveis máximos recorde.

Na Ásia, esta segunda-feira as bolsas valorizaram-se maioritariamente. Em Tóquio, o principal índice, o Nikkei, ganhou 2,61%, impulsionado pelos resultados das eleições. A coligação governamental no poder no Japão manteve uma maioria parlamentar maior do que a esperada nas eleições parlamentares de domingo.

A principal exceção foi Hong Kong, tendo o índice de referência Hang Seng perdido 0,88%.

A nível cambial, o euro abriu hoje em alta a cotar-se a 1,1675 dólares, contra 1,1571 dólares de sexta-feira.

O barril de petróleo Brent perde 0,7% e cota-se nos 83,11 dólares, em Londres.

O preço do petróleo tem vindo a subir devido à possibilidade de a procura aumentar a um ritmo mais rápido do que o nível da oferta nos próximos meses e especialistas não excluem que possa atingir 90 dólares por barril antes do final do ano.

Esta semana será marcada pela continuação da diulgação de resultados de empresas. Os investidores vão estar, contudo, especialmente atentos à reunião da Reserva Federal dos Estados Unidos (Fed) à medida que o banco central norte-americano se deve aproximar de reduzir as compras de ativos que têm ajudado a manter baixas as taxas de juro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Bolsa de Lisboa em alta na semana da Fed

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião