Europa volta a confinar. Áustria isola não vacinados, Países Baixos param 3 semanas

Vários países europeus estão a ver os números da pandemia a agravar-se, o que motiva o planeamento de novas restrições, como a introdução do certificado Covid para os trabalhadores.

Os casos de Covid-19 voltaram a aumentar na Europa, motivando a tomada de novas medidas e restrições. O Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC, na sigla em inglês) classificou dez países com o nível de preocupação muito alta e 13 com preocupação alta, na atualização semanal, sendo que vários destes decidiram já avançar com confinamentos ou outras ações.

Os dez países mais preocupantes são: Bélgica, Bulgária, Croácia, República Checa, Estónia, Grécia, Hungria, Países Baixos, Polónia e Eslovénia. Entre estes países já estão a ser planeadas medidas, sendo que a Holanda foi o primeiro país da Europa ocidental a regressar ao confinamento, que será feito de forma parcial nas próximas três semanas.

Já no segundo nível mais alto de preocupação, definido pelo ECDC, encontra-se a Áustria, Dinamarca, Finlândia, Alemanha, Islândia, Irlanda, Letónia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Noruega, Roménia e Eslováquia. A Áustria, por exemplo, deverá decidir no domingo um confinamento para as pessoas que não foram vacinadas contra a Covid-19.

A Noruega, por sua vez, vai reintroduzir medidas em todo o país para conter o aumento de casos de coronavírus, incluindo a autorização a cidades para introduzir “passes de saúde”, através do certificado Covid-19. Pela Dinamarca também se focam nos certificados, com uma proposta para avançar com legislação que permite que os locais de trabalho imponham um “passe corona” digital para os funcionários.

Já a agência de saúde da Alemanha fez algumas recomendações perante o agravar da situação pandémica no país, depois de se atingirem vários recordes diários nesta semana, nomeadamente o cancelamento de grandes eventos.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Europa volta a confinar. Áustria isola não vacinados, Países Baixos param 3 semanas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião