Novo canal de TV surge em janeiro

  • Lusa
  • 25 Novembro 2021

O Canal Cultura começa a transmitir no dia 2 de janeiro e vai ter uma aplicação para comprar bilhete para um concerto ou peça de teatro de forma presencial ou online.

Um novo canal de televisão não linear dedicado à Cultura, que vai transmitir a partir do dia 2 de janeiro, é apresentado na sexta-feira, às 15:00, num hotel da capital.

Dirigido pelo jornalista Paulo Lavadinho, o canal é apresentado, na sexta-feira, pelo realizador de rádio António Sala, no Hotel Ivens, em Lisboa. O canal – www.tv.canalcultura.pt –, segundo a informação disponibilizada, utiliza a tecnologia “Over The Top” (OTT), usada para transmissão de televisão através da Internet, e um sistema de “Video On Demand” (VoD).

Com esta tecnologia, os subscritores podem ver os conteúdos disponíveis por categorias temáticas, quando, onde e à hora que entenderem, a par do sistema “on demand”. O Canal Cultura irá transmitir, em direto, concertos, festivais, peças de teatro, performances, entre outros eventos culturais.

Os espetáculos serão gravados e disponibilizados posteriormente em ‘VoD’, sempre que os direitos de autor o permitirem.

O canal estará disponível em todos os dispositivos digitais, como ‘smart TV’, ‘smartphones‘, ‘tablets‘, portáteis, desktop, e será integrado em sistemas de aplicativos móveis (app) internacionais, como ‘android’, ‘iOS-Apple’, Android TV, Apple TV, e a partilha de conteúdos, através de Chromecast e Airplay, permitindo assim um acesso universal, segundo o próprio canal.

A transmissão em direto do Concerto de Ano Novo, pela Orquestra Metropolitana de Lisboa, a partir do Auditório Luísa Todi, em Setúbal, no dia 2 de janeiro, marca a estreia do Canal Cultura. O concerto será difundido em Alta Definição (‘Full HD’).

Também no dia 2 de janeiro, segundo informação divulgada, vão estar disponíveis em ‘VoD’, nas diferentes playlists do Canal Cultura, conteúdos diversos, como livros e literatura, música, património, arquitetura e design, entre outros.

Um dos destaques do canal é a “Loja da Cultura”, que vai permitir a aquisição de obras de arte, livros e de objetos de design, entre outras opções.

O canal disponibiliza ainda uma app própria de bilhética que possibilita, por exemplo, que um concerto ou uma peça de teatro, de acesso pago, possam ter espectadores, tanto nas salas, como em qualquer outro local.

O Canal Cultura foi apresentado oficialmente, no passado dia 18, no Casino Estoril, no concelho de Cascais. Segundo informação divulgada, o Canal Cultura contempla, no seu modelo de negócio, a participação de entidades e empresas ao abrigo da Lei do Mecenato.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Novo canal de TV surge em janeiro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião