Fnac angaria mais de 30 mil euros para expansão do Café Joyeux em Portugal

O valor, conseguido através de campanha de responsabilidade social promovida pela Fnac no final do ano passado, vai servir para apoiar os custos de abertura do Café Joyeux Lisboa.

A Fnac conseguiu reunir 32.800 euros para a expansão do Café Joyeux em Portugal, através de uma campanha de responsabilidade social promovida o ano passado. O valor angariado inclui as receitas geradas através de donativos feitos nas lojas físicas e no site da cadeia, assim como das vendas de artigos de merchandising Joyeux. Em Portugal, o primeiro Café Joyeux, espaço que emprega pessoas com necessidades especiais, abriu em novembro em Lisboa e há planos para uma segunda abertura, em Cascais.

“É bastante gratificante para a Fnac apoiar e promover este tipo de causas. Sabemos que podemos continuar a cultivar a diferença, contribuindo para uma sociedade mais justa e tolerante. Acreditamos que o valor angariado através da nossa campanha vai ajudar significativamente o desenvolvimento do Café Joyeux, um projeto que mudará a vida de centenas de pessoas em Portugal”, afirma Inês Condeço, diretora de marketing e comunicação da Fnac Portugal, em comunicado.

Nascido em França, o café Joyeux chegou a Lisboa em novembro com o objetivo de empregar e formar pessoas com dificuldades intelectuais e do desenvolvimento, promovendo a sua inclusão no meio laboral e na sociedade. O primeiro café-restaurante em terras lusas, na Calçada da Estrela, emprega nove pessoas.

Mas o objetivo é mais ambicioso: durante o primeiro semestre de 2022 deverá abrir um segundo estabelecimento, em Cascais. E, até 2026, através da abertura de outros cafés-restaurantes e da contratação de talento para eventos, a Associação VilacomVida, responsável por este projeto, pretende empregar cerca de uma centena de pessoas com dificuldades intelectuais e de desenvolvimento, como a trissomia 21 ou o autismo.

Para este caminho, contribuirão os fundos angariados pela companhia de retalho não alimentar. “Estamos profundamente gratos à Fnac Portugal e a toda a sua incrível equipa, pelo apoio e empenho que deram para que o lançamento da missão Joyeux em Portugal seja um sucesso. Com o valor angariado será possível apoiar os custos de abertura do Café Joyeux Lisboa, nomeadamente, na aquisição do equipamento necessário para a promoção da autonomia dos colaboradores que contratamos para formar, bem como dos seus uniformes de trabalho”, diz Filipa Pinto Coelho, presidente da direção da Associação VilacomVida.

“Fazemos votos que mais empresas sigam o bom exemplo da Fnac Portugal e possam apoiar esta missão tão ambiciosa quanto necessária para mostrar à sociedade a grande mais-valia na diferença”, apela.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Fnac angaria mais de 30 mil euros para expansão do Café Joyeux em Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião