BRANDS' CAPITAL VERDE EDP entre as empresas mais éticas do mundo pela 11ª vez

  • Capital Verde + EDP
  • 18 Março 2022

O Ethisphere Institute atribuiu, pelo 11º ano consecutivo, uma distinção pela boa gestão e política de ética empresarial à EDP. Este prémio coloca o grupo entre as empresas mais éticas do mundo.

As boas práticas de gestão e política consistente de ética empresarial desempenhadas pela EDP desde 2005 levaram a que, pelo 11º ano consecutivo, o grupo português fosse considerado como um dos mais éticos do mundo pelo Ethisphere Institute.

A nível global, houve 136 empresas – de 22 países e 45 setores de atividade – que receberam esta distinção, mas a EDP é a única portuguesa na lista, tendo ficado entre as nove companhias destacadas na área de Energy & Utilities.

A avaliação é feita através de um modelo que tem em conta a maturidade e o desempenho dos sistemas de gestão em matéria de ética e compliance, com base em indicadores como cultura, ambiente e práticas sociais, governance ou diversidade.

O Ethisphere Institute é considerado uma referência na definição e análise de padrões de ética corporativa. A EDP é a única empresa portuguesa no ranking de 2022.EDP

Esta distinção acabou, por isso, por reconhecer os compromissos assumidos pela EDP para consolidar a política de ética do grupo. Entre esses compromissos destacam-se princípios como as relações de confiança com todos os seus stakeholders, a atuação íntegra em todas as áreas de intervenção, o papel de protagonista responsável nas mudanças que o setor da energia atravessa e o contributo para um futuro sustentável.

Toda esta política de ética da EDP assenta no seu Código de Ética, publicado pela primeira vez em 2005 e atualizado em 2020, mas também no Provedor de Ética e de comités dedicados a esta temática.

A importância da ética

A atenção da EDP à ética no seio da organização começou há 15 anos, com a elaboração do 1º Código de Ética da empresa, em 2005. Depois disso seguiu-se a criação de uma Comissão de Ética e da figura do Provedor de Ética, a par da preparação dos seus colaboradores através de planos de formação regulares e da criação de canais de reporte de denúncias éticas.

O Código de Ética da EDP reflete, por isso, alguns princípios e comportamentos que a empresa considera que devem pautar a sua atuação em várias áreas, nomeadamente nas relações de confiança que estabelece com os todos os seus colaboradores, acionistas, clientes, parceiros, etc, mas também no estrito cumprimento da lei e dos regulamentos que lhe são aplicáveis em todos os serviços que oferece.

Para cumprir estes compromissos, o grupo português organiza iniciativas relacionadas com a ética da empresa a cada triénio, a partir de Programas de ética aprovados pelos órgãos competentes – a Comissão de Ética, o Conselho de Administração Executivo e os órgãos de supervisão da EDP.

Um recente questionário de cultura ética levado a cabo em toda a EDP confirmar a dedicação do grupo ao tema da ética, já que mostra que os seus colaboradores têm uma perceção muito positiva sobre a forma como a empresa incorpora os seus valores nas políticas, processos e práticas.

Entre as iniciativas levadas a cabo pela empresa, destaca-se a realização regular de sessões de formação e de comunicação sobre ética aos seus colaboradores, que são partilhadas também, em parte, com os parceiros que atuam em nome da empresa, a modernização das suas estruturas de governo sempre que oportuno, a otimização de processos e procedimentos em matéria de gestão de denúncias, ao lançamento de surveys regulares de cultura ética, entre outras.

O desenho de todos estes programas parte de uma perceção sobre os temas mais sensíveis neste âmbito, que se baseiam em riscos éticos identificados ou, ainda, em resultados de inquéritos internos ou externos. É, então, com base nesta análise que a EDP vai construindo e fortalecendo a sua cultura de ética, que tem como objetivo a resiliência, mas também a conservação dos equilíbrios sociais e económicos globais.

Um recente questionário de cultura ética levado a cabo em toda a EDP acabou por confirmar a dedicação do grupo a este tema, já que mostra que os seus colaboradores têm uma perceção muito positiva sobre a forma como a empresa incorpora os seus valores nas políticas, processos e práticas.

A dedicação do grupo de energia português à ética, além de distinguida pelo Ethisphere Institute, tem merecido atenção por parte de outras entidades, que também lhe têm atribuído prémios nesta área, nomeadamente o Dow Jones Sustainability Index, o Sustainalytics e o FTSE4 Good.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

EDP entre as empresas mais éticas do mundo pela 11ª vez

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião