Nos contrata financiamento de 300 milhões de euros em dívida sustentável

Com a contratação destes empréstimos obrigacionistas e programas de papem comercial, a Nos passará a ter mais de 40% da sua dívida contratada associada a indicadores e targets de sustentabilidade.

A Nos contratou 300 milhões de euros em empréstimos obrigacionistas e programas de papel comercial indexados a objetivos de sustentabilidade, com maturidade em 2027, informou a empresa numa nota enviada à CMVM.

Estas operações foram celebradas junto de três instituições financeiras: BPI, Caixa Geral de Depósitos e BCP.

“Após a contratação destas operações, a Nos passará a ter mais de 40% da sua dívida contratada associada a indicadores e targets de sustentabilidade”, lê-se no comunicado.

A empresa informou também que estes financiamentos bancários foram realizados ao abrigo do recém-desenvolvido Sustainability-Linked Financing Framework, e encontram-se indexados ao objetivo de redução das emissões de gases com efeito de estufa da operação própria (emissões de âmbito 1 e 2) em pelo menos 80% até 2025, em relação a 2019. Este objetivo foi validado pela Science Based Targets initiative (SBTi).

“O Sustainability-Linked Financing Framework foi definido com o objetivo de alinhamento entre a estratégia de financiamento e a estratégia de sustentabilidade corporativa da NOS, permitindo o financiamento em formatos indexados ao desempenho da empresa em matéria de sustentabilidade”, reforça ainda a NoS no mesmo comunicado.

À data de 31 de dezembro de 2021, a Nos apresenta um rácio de endividamento Dívida Financeira Líquida / EBITDA Após Leasings de 1,99 vezes.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nos contrata financiamento de 300 milhões de euros em dívida sustentável

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião