Mafra tem primeira semana de empreendedorismo de sempre

Município da região de Lisboa e incubadoras locais querem captar fundadores e startups com sustentabilidade, mistura de campo e praia e ainda proximidade à capital.

Arranca nesta segunda-feira a primeira Semana do Empreendedorismo de Mafra. O município associou-se às incubadoras locais (Business Factory) para partilhar conhecimento, inovação e criatividade nesta área. Mafra quer usar a proximidade com Lisboa, a sustentabilidade, o campo e a praia para captar fundadores e startups durante os próximos anos.

Até sexta-feira, 6 de maio, Mafra será palco de conferências temáticas, dedicadas ao empreendedorismo feminino, empreendedorismo social e empreendedorismo jovem, adianta ao ECO a coordenadora da Business Factory, Marta Miraldes. No último dia, haverá ainda um debate sobre o futuro do empreendedorismo em Mafra. Praticamente todas as sessões serão presenciais.

Em paralelo, será lançado um concurso de ideias local (Mafra Up); estão previstas sessões de mentoria e ações de capacitação para dar ferramentas aos empreendedores locais; momentos de esclarecimento de dúvidas com especialistas em comunicação, assuntos jurídicos e contabilidade; e ainda visitas guiadas a incubadoras de Mafra e Ericeira.

A Semana do Empreendedorismo de Mafra servirá ainda para lançar o projeto Ericeira Nomads, “plataforma e comunidade vocacionadas para os nómadas digitais da região”, destaca Marta Miraldes.

Captar startups e fundadores

A pouco mais de 30 minutos de Lisboa, o município de Mafra quer aproveitar esta semana para afirmar-se no ecossistema empreendedor nacional. O concelho acredita ter fatores únicos para captar fundadores e startups ao longo dos próximos anos.

“Ericeira tem a reserva mundial de surf há mais de 10 anos e Mafra recebeu recentemente a distinção de destino sustentável. Estes e outros exemplos fazem do concelho de Mafra um lugar único para empreender e desenvolver novos negócios”, destaca ao ECO a responsável.

Apesar de estar na mesma região de Lisboa — ou seja, com menos hipóteses de aceder a fundos comunitários –, o município tem a “distância suficiente que permite manter e oferecer uma qualidade de vida excelente, num território misto entre o campo e a praia“.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Mafra tem primeira semana de empreendedorismo de sempre

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião