Tedros Adhanom Ghebreyesus reconduzido para segundo mandato na OMS

  • ECO
  • 24 Maio 2022

Tedros Adhanom Ghebreyesus foi esta terça-feira reconduzido para um segundo mandato à frente da Organização Mundial da Saúde. O responsável obteve mais de dois terços dos votos.

Tedros Adhanom Ghebreyesus foi esta terça-feira reconduzido para um segundo mandato à frente da Organização Mundial da Saúde (OMS), noticia a Agence France-Presse (acesso livre, conteúdo em inglês).

O responsável conseguiu obter mais de dois terços dos votos, tal como necessário para prosseguir como diretor-geral da OMS. “Estou muito, muito impressionado com o apoio”, afirmou Tedros Adhanom Ghebreyesus, após a divulgação dos resultados, acrescentando que este não é apenas um reconhecimento pessoal, mas também “um reconhecimento para toda a família da OMS”.

Tedros Adhanom Ghebreyesus tornou-se no primeiro cidadão africano a liderar a OMS. O novo mandato começa oficialmente a 16 de agosto de 2022 e segundo a CNN, o diretor-geral só pode ser reconduzido uma vez, de acordo com as regras do organismo.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Tedros Adhanom Ghebreyesus reconduzido para segundo mandato na OMS

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião