TAP prevê começar a pagar dividendos ao Estado em 2025, diz Manuel Beja

  • Lusa
  • 7 Junho 2022

“A previsão é que em 2025 comecemos a pagar dividendos, a partir do momento em que começarmos a ter resultados líquidos positivos”, disse o chairman da TAP.

O presidente do Conselho de Administração da TAP, Manuel Beja, disse esta terça-feira que a companhia prevê começar a pagar dividendos ao Estado, único acionista, em 2025, a partir do momento em que começar a ter lucro.

A previsão é que em 2025 comecemos a pagar dividendos, a partir do momento em que começarmos a ter resultados líquidos positivos”, disse o chairman da companhia aérea, que está a ser ouvido na Assembleia da República, na Comissão de Economia, Obras Públicas, Planeamento e Habitação, por requerimento do PS.

Manuel Beja respondia ao deputado do PSD Paulo Rios de Oliveira, que questionou o responsável da transportadora sobre quando prevê reembolsar o Estado pelos apoios de 3.200 milhões de euros, que incluem verbas para fazer face aos efeitos da pandemia de covid-19.

O presidente da TAP apontou que o pagamento de dividendos é a “forma mais direta de reembolsar o Estado”. Também esta tarde, a presidente executiva (CEO), Christine Ourmières-Widener, tinha também afirmado que a TAP quer pagar aos portugueses “o mais rapidamente possível”.

Questionado sobre o desinvestimento no Porto, Algarve e ilhas, Manuel Beja salientou que “uma rota não pode ser analisada isoladamente” e que os voos de longo curso são mais rentáveis do que os de médio curso.

O responsável destacou ainda os constrangimentos do aeroporto de Lisboa, que é “determinante para a qualidade do serviço” da TAP, desejando que a decisão sobre o novo aeroporto “seja tomada e executada com a maior brevidade possível”.

Hipótese de mudança de instalações será discutida em próximas reuniões

O presidente do Conselho de Administração (CA) da TAP, Manuel Beja, disse ainda que ainda não há uma decisão tomada sobre a hipótese de mudança de instalações e que o tema será abordado em próximas reuniões. “Não há neste momento nenhuma decisão tomada pelo Conselho de Administração. [O tema] será discutido novamente em próximas reuniões”, afirmou Manuel Beja.

O responsável foi questionado por deputados sobre a hipótese de mudança de instalações da TAP, que está a ser avaliada pela Comissão Executiva, devido aos “custos para a manutenção indispensável” se revelarem “muito elevados face à antiguidade”, segundo uma mensagem interna a que a Lusa teve acesso.

O chairman da companhia aérea explicou que há “um problema grave de obsolescência dos edifícios” ocupados pela TAP no aeroporto de Lisboa, com “muitas pessoas” a trabalhar em condições “abaixo do ideal”. “Os nossos edifícios estão em fim de vida útil. […] As áreas de serviços centrais seriam as únicas que, se em algum momento houver mudança de instalações, seriam abrangidas por esse processo”, explicou o responsável.

Manuel Beja acrescentou que a questão do refeitório dos trabalhadores “é um tema que tem de ser bem tratado”, sob pena de a companhia ficar “em desvantagem enquanto empregador.

De acordo com um comunicado da Comissão de Trabalhadores, a que a Lusa teve acesso, a TAP está a avaliar a mudança da sede, até ao final deste ano, para instalações alugadas. A possibilidade foi posta em cima da mesa depois de uma vistoria aos edifícios da companhia ter concluído que precisam de obras estruturais que podem chegar aos 50 milhões de euros, disse a Comissão de Trabalhadores.

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

TAP prevê começar a pagar dividendos ao Estado em 2025, diz Manuel Beja

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião