Mais de 100 tecnológicas de dez países vêm a Portugal aprender caminho para a bolsa

Campus de Verão TechShare realiza-se esta quinta e sexta-feira na Nova SBE, em Carcavelos, que receberá mais de 200 participantes e mais de 100 tecnológicas que vão aprender o caminho para a bolsa.

Mais de 100 tecnológicas de dez países participam no Campus de Verão TechShare, que se realiza esta quinta e sexta-feira na Nova SBE, em Carcavelos, num encontro que concluirá a 7.ª edição do programa da Euronext que visa mostrar às empresas o caminho do mercado de capitais.

Além da mais de centena de empresas provenientes da Alemanha, Bélgica, Espanha, França, Irlanda, Itália, Noruega, Países Baixos, Suíça e Portugal, vão marcar presença no evento parceiros especialistas de cada um dos países mencionados e oradores de empresas cotadas nos diferentes mercados operados pelo grupo Euronext, entre CEO, CFO e Investor Relations.

Ao todo, mais de 200 participantes vão marcar presença no Campus de Verão com um programa dividido em conferências, painéis de discussão, e workshops, “além de reuniões individuais e com os pares da área de negócio”.

É a segunda vez que Portugal é escolhido para acolher Campus de Verão TechShare, que conclui a 7.ª edição do programa ter iniciado em janeiro e que conta com a presença de seis tecnológicas portuguesas: Bidirco Engineering Systems, Imaginary Cloud, Immunethep, IMP Diagnostics, Nonius Hospitality Technology, e outra que preferiu manter o anonimato.

Para Isabel Ucha, CEO da Euronext Lisbon, o encontro “pode ser muitíssimo enriquecedor para as empresas com objetivos de crescimento e internacionalização” tendo em conta que irá promover a “partilha de experiências, especialmente num ambiente internacional, com participantes provindos de diferentes geografias”.

“A possibilidade de ouvir testemunhos de empresas de referência na sua área de negócio, de aprender com a experiência de quem já passou por um processo de admissão em bolsa, (…), enriquece o conhecimento dos gestores destas empresas que podem, assim, tomar decisões com maior conhecimento prático dos assuntos relacionados com a admissão e permanência no mercado de capitais”, acrescenta Ucha.

As mais de 100 empresas que participam nesta edição são maioritariamente do setor de tecnologia, media e telecomunicações (64%), têm um perfil “maduro”, gerando receitas médias anuais de 32 milhões de euros e empregando, em média, cerca de 150 trabalhadores.

Desde o lançamento do TechShare em 2015, já participaram neste programa pré-IPO da Euronext mais de 660 empresas tecnológicas, incluindo cerca de 60 empresas nacionais.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Mais de 100 tecnológicas de dez países vêm a Portugal aprender caminho para a bolsa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião