Pedro Nuno Santos não se demite e deixa decisão nas mãos de Costa, avança jornal Público

  • ECO
  • 30 Junho 2022

Jornal Público avança que o ministro das Infraestruturas e Habitação não tenciona apresentar a demissão depois da polémica com o despacho dos aeroportos. Decisão está nas mãos do primeiro-ministro.

O ministro das Infraestruturas e Habitação não tenciona demitir-se e já terá comunicado essa informação ao primeiro-ministro, avança o Público, citando “diversas fontes” não identificadas. Desde modo, a decisão de demitir ou não Pedro Nuno Santos deverá estar nas mãos de António Costa, segundo o mesmo jornal.

Horas antes, o Público tinha escrito que se Pedro Nuno Santos não apresentar a demissão, será António Costa a demitir o ministro das Infraestruturas, depois de o Chefe do Governo ter anulado esta quinta-feira de manhã o despacho sobre o novo aeroporto de Lisboa.

A Rádio Renascença e o Público adiantam que o primeiro-ministro desconhecia o despacho divulgado e publicado pelo ministro das Infraestruturas sobre o Plano de Ampliação da Capacidade Aeroportuária da Região de Lisboa e já esta manhã determinou a revogação do mesmo, com a nota do gabinete do primeiro-ministro a frisar que uma solução sobre o futuro aeroporto de Lisboa “tem de ser negociada e consensualizada com a oposição, em particular com o principal partido da oposição”.

Luís Montenegro só tomará posse como presidente do PSD, substituindo Rui Rio, no fim de semana e Costa quer negociar com ele o desfecho deste processo.

A nova solução para o reforço da capacidade aeroportuária na região de Lisboa prevê a construção de um aeroporto na atual Base Aérea n.º 6 do Montijo até 2026 e outro no Campo de Tiro de Alcochete, para entrar em funcionamento em 2035, que substituiria o Humberto Delgado.

(Notícia atualizada às 15h50 com informação de que Pedro Nuno Santos não deverá apresentar demissão)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Pedro Nuno Santos não se demite e deixa decisão nas mãos de Costa, avança jornal Público

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião