Sedes avança com plano que exige “sacrifícios” para o país duplicar o PIB em 20 anos

  • ECO
  • 18 Agosto 2022

Entre as medidas defendidas pela associação está a redução dos "custos dos inputs cruciais e generalizados para as empresas”, bem como a "diminuição dos custos de fricção do crédito".

A Sedes (Associação para o Desenvolvimento Económico e Social) vai lançar a 1 de setembro um livro com a “receita” para duplicar o Produto Interno Bruto (PIB) nos próximos 20 anos, mas avisa que serão necessários “alguns sacrifícios”, avança o Público (acesso condicionado).

Álvaro Beleza, o presidente desta associação cívica, sublinha que “as propostas não são receitas de mercearia nem acenos eleitorais“. Já Abel Mateus, outro coordenador deste livro, avisa que “para se poder levar a economia de uma trajetória de quase estagnação a um crescimento médio de 3,5% ao ano, é essencial um período de transição, em que o país terá “de fazer alguns sacrifícios e adotar políticas de rutura que só fruirão totalmente no médio e longo prazo”.

Neste contexto, a Sedes defende “reduzir os custos dos inputs cruciais e generalizados para as empresas”, nomeadamente os custos da energia, dos transportes e da logística”, assim como “proceder a uma ampla reforma regulatória e de redução da burocracia, de diminuição dos custos de fricção do crédito e de melhoria na seleção de projetos pelo setor bancário”. De acordo com o Público, este livro conta com 57 medidas que abarcam várias áreas e que vão desde mudanças na justiça e no sistema político, à melhoria do ensino, maior ligação entre empresas e universidades e ensino pré-escolar universal.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Sedes avança com plano que exige “sacrifícios” para o país duplicar o PIB em 20 anos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião