Para falar sobre ambiente, prima 1. A chamada será reencaminhada para os jovenspremium

  • Thibaud Hug de Larauze
  • 12 Agosto 2022

A mudança de hábitos de consumo começa precisamente nos jovens, que são o grupo que mais atento e preocupado está com este tema.

A sustentabilidade é um tema central para os jovens e tem vindo a ganhar força, muito devido a este grupo. Um pouco por todo o mundo, são vários os que saem às ruas, de cartazes na mão e com a voz preparada para, em conjunto, pedir soluções. “Não há planeta B!”, entoam. “Salvem a Terra”, pedem. “Estamos a ficar sem tempo”, alertam. Com uma certa rebeldia inerente, os Millenialse a Geração Z atuam como motor essencial para a evolução no combate às alterações climáticas e ajudam a construir um futuro melhor, onde reina a inclusão, a sustentabilidade e a digitalização. Quem o afirma é a ONU, que proclamou o dia de hoje como Dia Mundial da Juventude, bem como a Comissão Europeia, que propôs que este fosse o Ano Europeu da Juventude. Há uma urgência em alterar os nossos hábitos de consumo, já

Assine para ler este artigo

Aceda às notícias premium do ECO. Torne-se assinante.
A partir de
5€
Veja todos os planos
  • Thibaud Hug de Larauze
  • Co-founder & CEO do Back Market