Startup Guide. Um guia à medida da Lisboa empreendedora

Conceito nascido em Berlim chega a Lisboa um mês antes do Web Summit. Livro é uma espécie de guia do que se passa no ecossistema empreendedor das cidades a que se dedica.

A pouco mais de um mês do Web Summit, Lisboa tem agora uma espécie de guia que serve de apresentação e análise ao ecossistema empreendedor. O Startup Guide, projeto nascido em Berlim e com edições dedicadas aos ecossistemas na capital alemã bem como com edições de Estocolmo, Copenhaga e Aarhus, chega agora à capital portuguesa.

Além da descrição dos casos de sucesso, o livro inclui dicas, casos de estudo e recomendações para quem está a começar ou pensa criar um negócio em Lisboa. A ideia é que o guia, além de ser um retrato do que se passa pela capital portuguesa, seja uma ferramenta e “oportunidades emergentes” e de “histórias de uma das regiões mais empreendedoras da Europa em 2015”, explica a Beta-i em comunicado.

Startup Guide Lisbon chega a Lisboa depois de edições dedicadas a Berlim, Estocolmo, Copenhaga e Aarhus.
Startup Guide Lisbon chega a Lisboa depois de edições dedicadas a Berlim, Estocolmo, Copenhaga e Aarhus.Beta-i

A instituição é um dos parceiros da Startup Guide World na abordagem ao ecossistema empreendedor português. Sissel Hansen, fundadora e CEO do projeto, vê a edição dedicada a Lisboa como “um presente de Natal antecipado”.

“Desde que demos início ao nosso plano de expansão para 2016, um dos grandes objetivos era cobrir o emergente ecossistema de Lisboa. Desde que acompanhamos esta cidade, há uns anos, que é claro para nós que Lisboa seria a próxima ‘big thing’ na Europa. Mal podemos esperar para partilhar tudo o que encontrámos aqui com o resto do mundo, e provar que vale mesmo a pena olhar para Lisboa com atenção”, explica, em comunicado.

Desde que acompanhamos esta cidade, há uns anos, que é claro para nós que Lisboa seria a próxima ‘big thing’ na Europa.

Sissel Hansen

Fundadora do Startup Guide World

O lançamento do primeiro guia dedicado a Lisboa acontece pouco mais de um mês antes do Web Summit, que decorre pela primeira vez em Portugal, entre 7 e 10 de novembro. Para Ricardo Marvão, co-fundador e Head of Global Resources da Beta-i, “o Web Summit acaba por despertar a atenção do resto do mundo para o que se passa em Lisboa”.

Startup Guide Lisboa é apresentado um mês antes do Web Summit.
Startup Guide Lisboa é apresentado um mês antes do Web Summit.Beta-i

“Com o Startup Guide queremos precisamente dar a conhecer a cidade, e este guia funciona como um convite à descoberta deste ecossistema, ao mesmo tempo que ajuda fundadores, startups, investidores, empresas e institutições a contar a sua história em relação ao que está aqui a acontecer. A nossa ambição é ver o Startup Guide Lisbon em todas as secretárias, no mundo inteiro”, detalha Marvão, acrescentando que o livro poderá funcionar como incentivo para que os players relevantes descubram as startups portuguesas e apostem em ter negócios e investimentos.

Além da Beta-i, que assume o papel de gestor local do projeto e facilitador, o livro contou com os apoios da Microsoft, da SAP e da Câmara Municipal de Lisboa (CML).

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Startup Guide. Um guia à medida da Lisboa empreendedora

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião