Fatura do táxi vai passar a ser deduzível no IRS

  • Marta Santos Silva
  • 10 Outubro 2016

A medida, juntamente com os incentivos fiscais ao uso dos transportes públicos, deverá ser incluída no pacote da fiscalidade verde.

A fatura de uma viagem de táxi vai passar a ser deduzível no IRS, de forma a incentivar os contribuintes a pedi-la mais vezes, segundo escreve esta segunda-feira o jornal Público, citando duas fontes governamentais.

A medida deverá ser introduzida no pacote da fiscalidade verde, juntamente com os descontos dos bilhetes e passes dos transportes públicos no IRS. Embora a fiscalidade verde seja um conjunto de medidas destinadas a estimular as práticas menos prejudiciais ao meio ambiente, o desconto da fatura do táxi — que não é habitualmente considerado um meio de transporte ‘verde’ — vai estar integrado neste pacote.

Os incentivos fiscais para as viagens nos transportes coletivos, e segundo o Público também nos táxis, deverão ser integrados no Orçamento do Estado para 2017, segundo relatos na imprensa.

Ao ECO, fonte oficial do Ministério das Finanças disse não confirmar informações sobre o Orçamento de Estado antes da sua apresentação, que está prevista para a próxima sexta-feira.

Editado por Mariana de Araújo Barbosa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Fatura do táxi vai passar a ser deduzível no IRS

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião