CEO do Morgan Stanley ameaça sair da City

  • Ana Luísa Alves
  • 11 Outubro 2016

Sem acesso ao mercado único, banco sai de Londres.

O presidente do banco americano Morgan Stanley, Rob Rooney, ameaça mover o seu staff de Londres caso o Reino Unido perca o acesso ao mercado único europeu. Em causa está o divórcio da União Europeia, que trará novas regras para o comércio e para o acesso ao mercado europeu.

Depois de um estudo que revelou que três em cada quatro CEOs consideram relocalizar a sua empresa fora do Reino Unido, a Reuters revela esta terça-feira que, segundo o CEO do Morgan Stanley, os bancos da City podem mesmo mover o seu staff para fora de Londres no pós-Brexit.

"Isto não é tão complicado como parece. Se estamos fora da União Europeia e não temos aquilo que seria um compromisso a longo prazo para aceder ao mercado único europeu, então há um conjunto de coisas que fazemos atualmente em Londres e que só são possíveis dentro do grupo dos 27 [estados-membros].”

Rob Rooney

O CEO do banco acrescentou ainda que nos dias que antecederem a perda do acesso ao mercado único europeu, e se isto chegar realmente acontecer, “os postos de trabalho que saírem, em grande número ou não”, vão implicar “um modelo de negócio menos eficiente”, pelo que o Morgan Stanley e outros bancos terão de analisar a situação.

Há vários bancos de investimento que usam a capital inglesa como centro de operações com a União Europeia, dependendo apenas do sistema de passaporte que lhes permite afetar estas operações em toda a união, embora sejam regulados apenas no Reino Unido. A votação do Brexit pode vir a ameaçar a operações destes bancos se o acesso ao mercado europeu deixar de ser um dado adquirido. Na semana passada, a primeira-ministra britânica, Theresa May, garantiu que o Reino Unido não vai dar primazia ao setor financeiro nas negociações para a saída do Reino Unido, que deverá acontecer no início do próximo ano.

Texto editado por Mariana de Araújo Barbosa

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

CEO do Morgan Stanley ameaça sair da City

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião