Carros: desconto de 80% nos importados com 10 anos

O Governo reviu a tabela que determina o desconto no imposto automóvel a pagar nos veículos importados. Começa em 10% para carros quase novos, mas chega a 80%.

Quem compra um carro importado tem de pagar imposto à chegada ao país, mas a esse é deduzida uma parcela em função da idade do automóvel. Até agora, o desconto máximo era de 52%. Sobe para 80% no caso de carros com mais de uma década.

A percentagem de abatimento ao valor do Imposto Sobre Veículos a pagar em função da cilindrada e da componente ambiental mantém-se no caso dos veículos com um até cinco anos (52%, no caso de cinco anos), mas são introduzidos mais escalões de idade: surgem descontos específicos para veículos importados com seis, sete, oito, nove e mais de 10 anos.

De acordo com a proposta de Orçamento do Estado para 2017 obtida pela SIC, quem importar um automóvel com mais de 10 anos irá obter um desconto de 80% no valor do imposto a pagar na altura em que é solicitada a matrícula nacional.

Estes escalões chegaram ser propostos no Orçamento do Estado para 2015, mas depois de várias críticas devido a incentivo à importação de veículos usados com idades elevadas, logo mais poluentes, a medida caiu. Agora, volta a estar na proposta do Governo de António Costa.

(Notícia atualizada às 14h50 com mais informação sobre os descontos de ISV nos carros importados)

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Carros: desconto de 80% nos importados com 10 anos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião