Wall Street (e o mundo) à espera de Yellen

  • Juliana Nogueira Santos
  • 14 Fevereiro 2017

Os índices de referência abriram na linha de água, com os investidores à espera das conclusões do discurso de Janet Yellen no Senado.

Depois da euforia de Trump, a calmaria antes da Fed. O plano “fenomenal” de redução fiscal animou os investidores, com os índices de referência a atingirem valores recorde. Hoje o mercado está mais cauteloso à espera do discurso que a responsável pela Reserva Federal vai levar aos senadores.

Assim, os índices de referência abriram na linha de água, com o S&P 500 a desvalorizar 0,09% para os 2.326,12 pontos, o tecnológico Nasdaq a acompanhar, com uma desvalorização de 0,13% para os 5.756,506 e o Dow Jones, que continua a negociar acima dos 20.000 pontos, mas a cair 0,19% para os 20.373,22 pontos.

É esperado que a Reserva Federal dê pistas em relação à direção das taxas de juro e às perspetivas económicas dos responsáveis do banco central dos EUA, que poderão melhorar. “O mundo ouve aquilo que Yellen diz e o seu discurso tem potencial para trazer um confronto com a realidade interessante”, afirma Andre Bakhos, analista na Janlyn Capital.

Janet Yellen vai falar hoje perante o Senado às 15h e falará amanhã na Casa dos Representantes, à mesma hora.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street (e o mundo) à espera de Yellen

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião