Yellen: Subida dos juros em março é “apropriada”

  • Juliana Nogueira Santos
  • 3 Março 2017

Se o emprego e a inflação mantiverem o caminho ditado pela Fed, Yellen considera apropriado subir a taxa de juro federal ainda este mês.

Janet Yellen, responsável pela Reserva Federal norte-americana, admitiu esta sexta-feira que, se o emprego e a inflação continuarem a corresponder às expectativas, “é muito apropriado” que os juros sofram uma subida.

“Na reunião deste mês, o Comité vai avaliar se o emprego e a inflação estão a evoluir de acordo com as nossas expectativas. No caso de isso acontecer, um ajustamento da taxa de juro federal é muito apropriada”, afirmou Yellen num comunicado proferido no Executives’ Club em Chicago.

Em 2016, a taxa de juro federal só aumentou uma vez. Este ano espera-se que aumente três vezes, com taxa de desemprego a situar-se nos 4,8% e a inflação a atingir os 1,9%. As políticas seguidas até agora pela Fed têm sido criticadas por muitos, incluindo pelo presidente Trump, que afirma que os juros baixos não são um estímulo para a economia nem para as empresas.

Os mercados já subiram a probabilidade de aumento de juros ainda este mês, dos 40% de há uma semana atrás para os 92%, depois de dois oficiais da Fed terem assinalado que estão prontos para subir os juros. A Reserva Federal irá anunciar se vai haver ou não uma subida nos juros no dia 15 de março, logo após uma reunião interna de dois dias em Washington.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Yellen: Subida dos juros em março é “apropriada”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião