Sócrates vai ser ouvido segunda-feira. Será acusado de corrupção

  • ECO
  • 11 Março 2017

O ex-primeiro-ministro vai ser ouvido esta segunda-feira à tarde pelo Ministério Público. A PGR adianta que haverá mais interrogatórios nos próximos dias. Sócrates deverá ser acusado de corrupção.

José Sócrates, ex-primeiro-ministro, vai ser ouvido na segunda-feira à tarde pelo Ministério Público, avança a Sic. O interrogatório vai decorrer a cinco dias do final do prazo dado pela Procuradora Geral da República, Joana Marques Vidal, para fechar a investigação. Segundo noticia o Expresso este sábado, o ex-chefe de Governo socialista será acusado de corrupção, fraude fiscal qualificada e branqueamento de capitais (link para assinantes).

A Procuradoria-Geral da República (PGR) já confirmou à agência Lusa que José Sócrates será interrogado na segunda-feira à tarde no âmbito da “Operação Marquês” e adiantou que o empresário Carlos Santos Silva foi inquirido na sexta-feira. “Estão, ainda, previstos interrogatórios de outros arguidos no decurso da próxima semana”, somou a PGR, numa esclarecimento enviado à agência de notícias.

"Estão, ainda, previstos interrogatórios de outros arguidos no decurso da próxima semana.”

Procuradoria-geral da República

Fonte oficial citada pela agência Lusa

Em entrevista à Sic, este sábado, João Araújo, advogado de José Sócrates, não confirmou se o ex-primeiro-ministro vai comparecer, mas reconheceu que, enquanto advogado, recebeu a notificação do Ministério Público a chamar Sócrates. O representante legal de Sócrates aproveitou para criticar o facto de a convocatória chegar apenas a poucos dias de terminar o prazo para ser feita a acusação.

"Se é para haver acusação, que sentido faz ouvi-lo [a Sócrates] três dias antes?”

João Araújo

Advogado de José Sócrates

“Eu tenho dúvidas, claro que tenho dúvidas”, disse João Araújo, sobre se já dá como certa a acusação. Mas, “se é para haver acusação, que sentido faz ouvi-lo três dias antes”, questionou.

A confirmar-se a presença de Sócrates, esta será a terceira vez que será ouvido pelo Ministério Público desde que foi detido preventivamente no aeroporto de Lisboa em 2014. A confirmar-se a acusação, os crimes são puníveis com penas entre um e oito anos de cadeia, explica o jornal. O ex-primeiro-ministro já esteve nove meses em prisão preventiva, mas acabou por ser libertado por iniciativa do Ministério Público.

O objetivo deste interrogatório final será confrontar Sócrates com os dados mais recentes recolhidos pela investigação, relacionados com a oferta pública de aquisição da Sonae à Portugal Telecom (que fracassou) e com a venda e compra das telefónicas Vivo e Oi. A Sic diz que os investigadores acreditam que o ex-primeiro-ministro foi corrompido por 23 milhões de euros.

O Expresso adiantava ainda que haverá mais arguidos a serem ouvidos nos próximos dias, avançando os nomes de Sofia Fava e Armando Vara.

(Notícia atualizada às 16h20 com os esclarecimentos da PGR)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Sócrates vai ser ouvido segunda-feira. Será acusado de corrupção

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião