308 de “cara lavada”. E com nova alma diesel

A Peugeot decidiu renovar o seu best-seller. Quatro anos depois do lançamento, o 308 recebe uma atualização estética, mas também debaixo do capot onde estreia um novo motor a gasóleo.

Quatro anos depois do lançamento, o 308 recebe uma atualização. A Peugeot avançou com mudanças estéticas no seu pequeno familiar, mas são ligeiras. A grande novidade está mesmo debaixo do capô, com a estreia de um motor 1.5 a gasóleo. E há ainda uma caixa automática que já é usada nos 3008 e 5008.

O best seller da marca gaulesa passa a contar com uma grelha de maiores dimensões com o emblema ao centro e o nome Peugeot esculpido na parte superior. Há também uma nova assinatura LED, bem como um para-choques totalmente redesenhado. No interior, destaque para o i-Cockpit, que apresenta um touchscreen de 9,7’’ com navegação 3D, novo grafismo e acesso rápido e otimizado a todas as funções.

Mas mais relevante do que estas diferenças que os portugueses vão poder ver a partir de setembro, são as novidades em termos de mecânica. É que o 308 passará a estar disponível com os mais modernos motores da fabricante. A grande novidade é mesmo o bloco de 1.5 litros no motor BlueHDi 130 cv. É o primeiro modelo do Grupo PSA a receber este bloco que mais tarde terá uma versão de 100 cv.

No BlueHDi 180 cv, a novidade está na caixa de velocidades. “Exclusivo do novo Peugeot 308, o motor Diesel BlueHDi 180 cv está associado a uma transmissão automática de nova geração EAT8 (desenvolvida em conjunto com os especialistas japoneses da Aisin), uma nova caixa de oito relações capaz de proporcionar uma resposta suave e linear, incluindo Stop & Start, a partir dos 20 km/h”, nota a marca.

Comentários ({{ total }})

308 de “cara lavada”. E com nova alma diesel

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião