Grécia coloca dívida a seis meses a um juro inferior de 2,5%

  • Lusa
  • 2 Agosto 2017

O ministro das Finanças grego anunciou que nos próximos meses haverá novos leilões de dívida de longo prazo.

A Grécia colocou esta quarta-feira 812,5 milhões de euros em dívida a seis meses a uma taxa de juro de 2,50%, claramente abaixo da de 2,78% do anterior leilão comparável de 5 de julho, foi anunciado.

Segundo informou a Autoridade de Gestão da Dívida Pública grega (PDMA), a procura foi de 1.163 milhões de euros, 1,86 vezes a oferta inicial de 625 milhões de euros.

Nos últimos leilões a taxa de juro tem estado a descer ligeiramente à medida que a procura tem aumentado, depois de quase ano e meio sem alterações devido à ausência de investidores estrangeiros. A Grécia tem um limite máximo de dívida pública de curto prazo em circulação, de 15.000 milhões de euros, montante alcançado em 2014, pelo que só pode colocar no mercado títulos na mesma quantidade da dos que se vão vencendo.

O leilão desta quarta-feira foi o primeiro de dívida de curto prazo depois de na semana passada a Grécia ter emitido títulos a cinco anos, no primeiro teste aos mercados financeiros em três anos. O Tesouro colocou um total de 3.000 milhões de euros a uma taxa de juro de 4,625% e a procura foi superior a 6.500 milhões de euros.

Na altura, o Governo de Alexis Tsipras mostrou-se satisfeito com este teste, cujo objetivo é atrair investidores para criar uma ‘almofada financeira’ tendo em vista o final do programa de resgate, que vence em agosto de 2018.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Grécia coloca dívida a seis meses a um juro inferior de 2,5%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião