Bolt sai das pistas: inaugura circuito de 15 restaurantes em Londres

  • Ana Batalha Oliveira
  • 27 Agosto 2017

O homem mais rápido do mundo vai abrir quinze restaurantes de cozinha jamaicana no Reino Unido. Como não podia deixar de ser, vão servir fast food.

O homem mais rápido do mundo, Usain Bolt, foi num instante até à Jamaica e trouxe a cozinha do seu país de origem até ao Reino Unido. Os quinze restaurantes que vai abrir em parceria com o franchise jamaicano Franjam irão servir fast food — o tipo de comida que faz Bolt correr para a mesa.

Os quinze novos restaurantes de Bolt deverão estar prontos a servir no Reino Unido nos próximos cinco anos. Serão franchises da cadeia Tracks and Records, que o campeão de velocidade abriu na Jamaica em 2011, avança a publicação iNews. São restaurantes que servem iguarias jamaicanas numa versão de fast food.

"Estou feliz de partilhar os sabores da Jamaica que eu conheço e adoro com o resto do mundo através da abertura destes restaurantes no Reino Unido”

Usain Bolt, em declarações à iNews

Os pratos vão desde a típica janga soup (uma sopa de camarão), porco marinado, asas preparadas no churrasco com molho de rum e a especialidade da casa, “hamburguers à la Usain”, também chamados de U-burguers.

O restaurante Tracks & Records apresenta algumas das iguarias através da página de Instagram.

O campeão do mundo em corrida de velocidade revelou a paixão por fast food na sua autobiografia. “Comia uma caixa de vinte nuggets de frango para o almoço e outra para o jantar”. Batatas fritas e tarte de maçã também faziam parte do menu do atleta durante os jogos olímpicos em Pequim, em 2008.

Este último investimento de Usain Bolt na restauração coincide com a retirada do velocista das competições. O jamaicano correu pela última vez este ano no Campeonato Mundial em Londres, do qual saiu lesionado.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Bolt sai das pistas: inaugura circuito de 15 restaurantes em Londres

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião