Ronaldo troca de advogados no processo de fuga ao Fisco

  • ECO
  • 12 Setembro 2017

O craque português rescindiu os serviços que tinha com o escritório de advogados anterior. O jornal espanhol El Mundo avança que Ronaldo já escolheu os novos representantes.

Cristiano Ronaldo revogou os serviços que tinha com o escritório de advogados Baker & McKenzie, no seu processo de fuga ao Fisco. O El Mundo (acesso livre/ conteúdo em espanhol) avançou que o jogador já escolheu os seus novos representantes, justificados pela sua vontade em ser representado por especialistas no assunto.

O craque português está a apostar tudo para se defender no processo que corre contra si de quatro crimes de fuga fiscal, no valor de 14,7 milhões de euros. Valor esse relacionado com rendimentos não declarados relativos aos direitos de imagem, recebidos entre 2011 e 2014.

O jornal espanhol El Mundo avançou que o madeirense já tem escolhida a nova equipa de advogados que o irá representar, por querer “melhores especialistas em direito fiscal”, segundo fontes do clube ao jornal.

Ronaldo já informou o escritório de advogados Baker & McKenzie que não pretende continuar com os seus serviços. O advogado José Antonio Choclán, que também defende o treinador José Mourinho no caso de fuga aos impostos, foi o escolhido, por ser “um dos grandes [especialistas] penais espanhóis e um dos maiores especialistas em delito fiscal”, segundo o El Mundo.

Esta decisão surge depois da juíza Mónica Gómez ter intimidado Jorge Mendes, o agente do internacional português, Luís Correia, assessor de imagem, e o advogado Carlos Osório de Castro, para perceber os papéis que cada um tinha na alegada fuga ao Fisco.

Comentários ({{ total }})

Ronaldo troca de advogados no processo de fuga ao Fisco

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião