Vitória de Shinzo Abe atira bolsa nipónica para máximos de duas décadas

Shinzo Abe terá reconquistado o poder no Japão após as eleições deste fim de semana. A bolsa de Tóquio subiu para máximos de duas décadas. E a moeda nipónica caiu para mínimos de três meses.

Longa vida ao “Abenomics”, escreviam os analistas do BlackRock. Shinzo Abe venceu as eleições no Japão que se realizaram este fim de semana e para os investidores são boas notícias. A bolsa de Tóquio subiu mais de 1% para o nível mais elevado desde 1996. E o iene caiu para mínimos de três meses com o mercado a esperar a manutenção dos estímulos sem precedentes do banco central nipónico.

O Nikkei, o índice de referência japonês, somou 1,1% para 21.696,65 pontos, o patamar mais elevado em mais de duas décadas, depois de o primeiro-ministro Abe ter voltado vencer as eleições nacionais no Japão. Já o iene cede terreno esta segunda-feira: perde 0,26% para 0,008785 dólares, cotando-se ao nível mais baixo desde julho.

Esta reação do mercado incorpora a expectativa de que a vitória de Abe vai permitir ao Banco do Japão continuar a sua política monetária altamente expansionista, um conjunto de medidas que inclui um programa de quantitative easing e que é conhecido por “Abenomics”.

Nikkei 225 em máximos de quase duas décadas

Fonte: Bloomberg

“Isto deverá prolongar a vida do “Abenomics”, incluindo os mega estímulos do Banco do Japão”, comentam os analistas do BlackRock, numa nota citada pela agência Reuters. “Vemos este resultado como moderadamente positivo para as ações japonesas e moderadamente negativo para o iene e para as obrigações japonesas”, frisaram ainda.

"Isto deverá prolongar a vida do “Abenomic”, incluindo os mega estímulos do Banco do Japão. Vemos este resultado como moderadamente positivo para as ações japonesas e moderadamente negativo para o iene e para as obrigações japonesas.”

Analistas do BlackRock

Reuters

“Não há muitas razões para vender ações dado que os resultados das empresas japonesas parecem bons, o iene está numa tendência baixista e as ações norte-americanas estão sólidas”, notou Naoki Fujiwara, gestor da Shinkin Asset Management, à agência Bloomberg.

Shinzo Abe, de 63 anos, viu a sua coligação manter dois terços da maioria dos 465 lugares da câmara baixa nas eleições realizadas este domingo, aumentando as suas hipóteses de conquistar novo mandato no próximo ano como líder do Partido Democrático Liberal.

"Não há muitas razões para vender ações dado que os resultados das empresas japonesas parecem bons, o iene está numa tendência baixista e as ações norte-americanas estão sólidas.”

Naoki Fujiwara

Gestor da Shinkin Asset Management

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Vitória de Shinzo Abe atira bolsa nipónica para máximos de duas décadas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião