Puigdemont recusa ir a Madrid para rebater o artigo 155.º

  • Marta Santos Silva
  • 25 Outubro 2017

O presidente da região catalã não quer ir ao Senado, em Madrid, para apresentar argumentos contra a ativação de um artigo constitucional que retiraria a soberania à Catalunha.

Parecia confirmado que Carles Puigdemont, presidente da Generalitat catalã, estaria no Senado madrileno amanhã à tarde, quinta-feira, para contrapor a ativação do artigo 155.º da Constituição espanhola, mas agora a região vem corrigir: amanhã à tarde haverá sessão do Parlamento regional, e Puigdemont não irá a Madrid. A notícia foi avançada oficialmente pela Generalitat, cerca de 15h40, hora portuguesa.

Antes, e de acordo com o El País, a presidente do Parlamento, Carme Forcadell, comunicou aos grupos parlamentares da câmara catalã que o presidente não irá a Madrid.

A argumentação contra o artigo 155.º poderia fazer com que o Senado recuasse na sua implementação, permitindo que a Catalunha retivesse a sua autonomia em vários aspetos. A introdução do artigo prevê a retirada dos líderes da região autónoma e que muitas das suas funções governamentais passem a ser geridas a partir de Madrid, para “repor a lei”, segundo argumentou Mariano Rajoy.

Segundo o mesmo jornal, Puigdemont ainda poderá comparecer no plenário do Senado na sexta-feira, já que ainda não houve uma resposta oficial enviada para Madrid. Mas pelo menos amanhã, o presidente da região vai ficar na Catalunha para a reunião do Parlamento onde será decidida uma reação à opção do Governo central de pedir a aplicação do artigo 155.º. É possível que a reação seja uma declaração unilateral de independência.

Notícia atualizada às 15H45, com confirmação da Generalitat.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Puigdemont recusa ir a Madrid para rebater o artigo 155.º

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião