Balcão Nacional de Arrendamento já decretou 1.480 despejos este ano

  • ECO
  • 30 Outubro 2017

Os salários baixos e as rendas cada vez mais altas estão a deixar muitas famílias sem capacidade para pagar as casas.

No ano passado, foram despejadas 1.931 famílias através do Balcão Nacional do Arrendamento (BNA), quase o dobro comparando com 2013. E nos primeiros nove meses deste ano, já foram decretados 1.480 despejos, de acordo com dados do Ministério da Justiça. A notícia faz capa do Diário de Notícias, que diz que os salários baixos e as rendas cada vez mais altas estão a deixar muitas famílias sem capacidade para pagar as casas.

Os números apontam para o despejo de 5,5 famílias por dia. Mas podem ser mais, já que há cada vez mais processos a correr diretamente nos tribunais. O presidente da Associação Nacional de Proprietários, António Frias Marques, admite que os dados do BNA “representem apenas um terço do total de títulos de desocupação do locado emitidos em Portugal”.

O BNA foi criado em 2013 precisamente para libertar os tribunais deste tipo de processos. Mas gera críticas: os proprietários apontam para a desresponsabilização dos fiadores que não são chamados a assumir as dívidas e dizem que as saídas são travadas por novos processos “que podem levar um a dois anos até a casa ser esvaziada”; os inquilinos falam num sistema cego e apelam à especialização de quem decide.

No ano passado, o Balcão recebeu 4.361 requerimentos de despejo, mas 64% foram recusados.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Balcão Nacional de Arrendamento já decretou 1.480 despejos este ano

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião