5 coisas que vão marcar o dia

  • Juliana Nogueira Santos
  • 2 Novembro 2017

Esta quinta debate-se a proposta do Orçamento do Estado e decide-se a taxa de juro diretora no Reino Unido. É também dia de resultados para as empresas nacionais e internacionais.

Esta quinta-feira inicia-se a discussão em torno do Orçamento do Estado para 2018 na Assembleia da República, com o PSD a afirmar que, pelo partido, este não vai avançar. A nível nacional e internacional são muitas as empresas que apresentam resultados relativos ao terceiro trimestre: Santander Totta, EDP ou Apple, os exemplos são vários. No Reino Unido, a atenção estará focada no Banco de Inglaterra e numa quase certa subida da taxa de juro diretora.

Começa a discussão do Orçamento do Estado na generalidade

O futuro do Orçamento do Estado para 2018 decide-se entre quinta e sexta-feira, com o debate na generalidade da proposta aprovada em Conselho de Ministros, bem como as Grandes Opções do Plano para 2018. Passos Coelho já anunciou que o PSD vai votar contra “porque [o OE] não serve do ponto de vista estratégico, o interesse coletivo, nem está orientado para o futuro”.

Como correu o terceiro trimestre ao Santander Totta?

Uma semana após o Banco Santander ter divulgado lucros de 5,05 mil milhões de euros nos primeiros nove meses do ano, incluindo os encargos extraordinários com a compra do Popular, o braço português do banco, o Santander Totta, vai também apresentar os resultados deste período. A instituição liderada por António Vieira Monteiro terminou o primeiro semestre com lucros de 228,9 milhões de euros e mostra agora como avançaram as contas.

EDP faz balanço das CMEC

A elétrica nacional apresenta esta quinta-feira os resultados do terceiro trimestre do ano. Nos dados provisórios relativos aos primeiros nove meses do ano, a empresa afirma que a distribuição de eletricidade aumentou 0,4%, mas que a produção total terá diminuído devido à falta de recursos hídricos. Para além disso, as polémicas dos contratos CMEC e das tarifas sociais poderão pesar na empresa de António Mexia.

Será desta que Banco de Inglaterra vai aumentar a taxa diretora?

Esta quinta-feira, o governador do Banco de Inglaterra irá falar aos jornalistas após a decisão relativa à taxa de juro diretora. Tudo aponta para que esta sofra um aumento de 0,5%, a primeira em cerca de uma década. A economia britânica cresce a um ritmo constante de 1,5%, mesmo após a saída da União Europeia ter sido confirmada pela maioria dos cidadãos nas urnas, sendo que Mark Carney irá também anunciar os dados mais recentes relativos à inflação.

Últimos resultados da Apple antes do X

Em terreno de resultados, e virando as atenções para Cupertino, a Apple apresenta os últimos resultados trimestrais antes do impacto dos novos iPhones. Os analistas da Bloomberg esperam resultados sólidos, mas o fantasma dos atrasos continua a pairar sobre a empresa. No mesmo dia, a gigante Alibaba também dá a conhecer os esforços deste último trimestre, com os analistas a apontarem para um avanço de 50% nas receitas.

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

5 coisas que vão marcar o dia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião