Porto: “Estamos muito bem posicionados na corrida à EMA”

Ricardo Valente, vereador da Câmara, não tem dúvidas de que as hipóteses do Porto para acolher a Agência Europeia do Medicamento (EMA) continuam em aberto. Votação acontece esta segunda-feira.

A três dias [a votação acontece no dia 20 de novembro] de se ficar a saber qual o país que vai acolher a sede da Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla inglesa), a partir de 2019, o Porto continua confiante na vitória nacional.

“Estamos muito bem posicionados”, afirma Ricardo Valente, vereador com o pelouro da Economia, Turismo e Comércio da Câmara Municipal do Porto. Para o vereador é certo que “a candidatura do Porto passa à segunda volta”.

O processo de votação escolhido implica que para haver um vencedor logo na primeira eleição, este tem de contar com catorze primeiros lugares, o que dificilmente acontecerá, passando à segunda volta os três melhores classificados que, em caso de igualdade pontual pode implicar a passagem de mais do que três cidades. O voto é secreto e cada país tem três votos para dar à sua cidade preferida, dois para a que considera que deve ficar em segundo e um para a terceira.

Ricardo Valente desvaloriza as últimas notícias publicadas no Financial Times dando conta de que as cidades melhores posicionadas para acolher a sede da EMA eram Bratislava e Milão e diz que “continua tudo em aberto”.

Também na tarde desta sexta-feira, a secretária de estado dos Assuntos Europeus, Ana Paula Zacarias, referia no Porto que “a corrida é renhida, mas está tudo em aberto”.

Já Rui Moreira, segundo consta na página da autarquia, afirma que “este processo colocou o Porto, definitivamente, no mapa das cidades europeias com capacidade para atrair grandes instituições”. O autarca relembrou ainda que o Porto passou por todas as etapas necessárias e respondeu a todos os critérios, de uma candidatura de dimensão europeia.

A recolocação da EMA surge no âmbito de um procedimento desencadeado pela União Europeia, a seguir ao Brexit.

A votação para a eleição de qual o país que vai sair vencedor desta batalha acontece na tarde de segunda-feira, em Bruxelas. Os votos de Portugal serão atribuídos pela secretária de estado dos Assuntos Europeus.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Porto: “Estamos muito bem posicionados na corrida à EMA”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião